Créditos: Reprodução/ TechPowerUp

Overclocker quebra recorde mundial com Crucial Ballistix Max Memory

Os resultados obtidos chegaram a até 7004 MHz, maior já registrado no mundo

Um overclocker chinês, considerado "extreme", conhecido como "Baby-J", acaba de quebrar um recorde mundial. O entusiasta conseguiu, com o seu equipamento, obter frequências de memória de impressionantes 7004,2 MHz. Esse é o maior nível já visto até o momento em memórias DDR4, nenhuma outra máquina conseguiu chegar aos resultados obtidos, até o momento.

Qualquer usuário pode fazer overclock em sua máquina. Apesar disso, não são todos os usuários que forçam seu equipamento ao limite. Isso porque são hardwares delicados e caros, que podem ter danos irreversíveis em alguns casos extremos. Portanto, não é comum ter equipamentos de alto nível submetidos aos níveis mais altos possíveis. 

Validação dos resultados

O Baby-J conseguiu o feito usando seu kit de memória Crucial Ballistix Max DDR4-4000 (BLM16G40C18U4B.M8FB1). Além disso, o resfriamento é feito de nitrogênio líquido (LN2) para os DIMMs. Para concluir, o entusiasta usava uma placa-mãe B550 da AMD, rodando um processador AMD Ryzen 5 PRO 4650G. 

- Continua após a publicidade -

O que foi mostrado é que o controlador de memória usado é muito bom, tornando o mais eficiente do mundo. Para conseguir esses resultados é necessário ter um excelente conhecimento técnico e executar testes a exaustão. Não é comum que um usuário pouco experiente consiga replicar os resultados, mesmo usando equipamentos semelhantes.

Geralmente, esses níveis de desempenho são obtidos por entusiastas. Ou seja, pessoas que tem como hobby explorar ao máximo a capacidade de suas máquinas. Eles costumam trabalhar para conseguir montar o melhor equipamento, conseguindo níveis que não são nem explorado pelas empresas. É necessário ter cuidado ao reproduzir esses feitos. 

Via: TechPowerUp, Tom's Hardware
Tags
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.