Créditos: Facebook

Facebook lança streaming de games para celulares Android e PC

O objetivo da novidade é expandir o alcance dos jogos da plataforma, que não compete diretamente com Stadia e Luna

Após Google e Amazon, o Facebook também resolveu entrar no mercado de streaming de games. A empresa anunciou recentemente o lançamento de uma plataforma que roda jogos via nuvem e transmite o conteúdo para PCs e celulares Android.

Enquanto o Stadia e o Amazon Luna miram em games de consoles, o Facebook Gaming traz uma pegada diferente. A plataforma de nuvem do Mark Zuckerberg não vem para ser um serviço e tem como objetivo expandir o alcance dos jogos presentes no aplicativo Facebook Gaming.


(Imagem: Facebook/Divulgação)

Segundo a companhia, a plataforma já alcança mais de 380 milhões de usuários mensalmente com seus jogos gratuitos e fáceis de rodar. O streaming via nuvem trará mais independência do hardware dos smartphones e PCs e garantirá mais público para os games, que já rodam no padrão HTML5 atualmente.

Fora do iOS

Assim como outras plataformas de jogos em nuvem, o Game Streaming do Facebook não estará disponível no iOS. A empresa já passou por problemas com a Apple por causa de seu aplicativo de jogos e, aparentemente, quer evitar dores de cabeça com as diretrizes da Apple.


(Imagem: Facebook/Divulgação)

- Continua após a publicidade -

Com isso, a plataforma chega para Android e também no PC, por meio da página de Jogos Instantâneos do Facebook. Inicialmente, a função de streaming via nuvem só está disponível para usuários nos Estados Unidos.

Em relação aos games, o Facebook utilizará o serviço de nuvem para levar títulos mais pesados para mais celulares e computadores. A lista de apps compatíveis inclui  Asphalt 9: Legends, Mobile Legends: Adventure, PGA TOUR Golf Shootout, Solitaire: Arthur's Tale e WWE SuperCard.

Movimento esperado 

O lançamento de uma solução para rodar jogos em nuvem do Facebook era um movimento esperado. No fim do ano passado, a companhia adquiriu a PlayGiGa, uma plataforma da Espanha focada em streaming de games.

A compra supostamente custou US$ 78 milhões e, na época, o Facebook não forneceu detalhes sobre o futuro da startup recém-adquirida. Considerando que as redes sociais da PlayGiGa foram extintas, tudo indica que a empresa foi integrada no Facebook Gaming e agora cuida da parte de jogos em nuvem da rede social.

Via: TechPowerUp
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.