Créditos: Reprodução/Adrenaline (YouTube)

Público gamer de PC é o que mais joga online, segundo pesquisa

Jogos de estratégia na plataforma lideram em primeiro lugar com 81,7%
Por Mariela Cancelier 24/08/2020 15:21 | atualizado 24/08/2020 15:21 Comentários Reportar erro

A Pesquisa Game Brasil (PGB) compartilhou os resultados de sua sétima apuração de dados sobre o perfil do jogador de PC no Brasil, concluindo que o público de computador (incluindo desktop e notebook) é o que mais joga online no país. Os usuários da plataforma também representam a faixa etária jovem mais volumosa em comparação com consoles, por exemplo. De acordo com os dados, 44,3% dos players de PC possui entre 16 e 24 anos.

Confira aqui a pesquisa na íntegra - PBG site oficial

A PGB revelou que 65% do público de PC joga com outras pessoas online. Para consoles, o público que prefere jogatinas conectadas à internet somam 58,2%, enquanto para jogos mobile, a parte é de 48,6%. A pesquisa também mostra algumas características do gamer de PC, já que 40,9% deles dedicam uma média de 1h a 3h em suas sessões online; 41,9% jogam diariamente e 54,9% utilizam a plataforma Steam para co-op ou pvp.

Preferências

O usuário de PC computador inclui desktop e notebook, sendo este último o dispositivo mais usado para jogar. Dos gamers dessa categoria, 54,3% usa PC portátil e 34,1% utiliza um desktop. Os jogadores de notebook aumentaram em  4,1% em relação à edição anterior da pesquisa.

Os motivos que levam as pessoas a optarem pelos computadores é a possibilidade de customizar a máquina, de acordo com 53% dos usuários de PC. O público também destaca que: o PC tem utilidade além dos jogos (40,6%), a jogabilidade (27,2%), menor custo na aquisição de jogos (22,5%) e melhor plataforma para jogar online (19,1%).

- Continua após a publicidade -

Faixa etária

Como já mencionado, o computador é a plataforma com o maior volume de jovens, no qual 44,3% possui entre 16 e 24 anos. Já os adultos de 25 a 34 anos representam 34,7%. Adultos dessa janela de idade são a faixa etária predominante para gamers, independente da plataforma, seja PC, mobile ou console. 

Entenda como o esport cresceu no Brasil, criou novas carreiras e movimenta milhõe$

Entenda como o esport cresceu no Brasil, criou novas carreiras e movimenta milhõe$
Fenômeno do esporte eletrônico no país chegou a despertar o interesse legislativo

Games mais jogados

Entre as categorias de games mais jogados no PC, jogos de estratégia lideram em primeiro lugar com 81,7%. Os gêneros de ação (80,8%), aventura (79,4%), simulação (73,3%) e shooter/tiro (72,8%) aparecem respectivamente.

Marcas e consumo

A PGB indica que a marca de computador (notebook) mais presente entre este público gamer de PC é a Samsung, com 26,6%, seguida por Dell (21,2%) e Acer (17,1%). Em relação à melhor experiência para jogar, 15,6% opta pela Dell, com ASUS ROG (11,3%) e Alienware (10,9%) na sequência.

- Continua após a publicidade -

Em relação à compra dos PCs, a maior parte dos gamers comprou seu dispositivo em revendas oficiais, 33% em lojas físicas e 20,5% em e-commerces. Os jogadores que montaram seu próprio PC são 13,2% do público.

A pesquisa também revela a preferência na hora da compra de jogos, onde 47,5% comprou na loja das próprias plataformas (como Steam, Nuuvem e outros), enquanto 24,3% utiliza revendas oficiais e varejos tradicionais, e 23,2% compra em lojas online com entrega em casa. 

De acordo com a PGB, jogadores de PC que não compram jogos são 19,6%, e os que não pagam por conteúdo adicional são 33,2%. Apesar disso, 27,4% investem em expansões, 21,3% em itens de aparência/cosméticos, 19% em itens de melhorias, 19,4% em moedas virtuais e 18,6% em assinaturas para acesso online.

A pesquisa foi realizada pelo Sioux Group, através da unidade de negócios Go Gamers, ESPM e Blend New Research. A PGB ouviu 5.830 pessoas em 26 Estados e no Distrito Federal, no mês de fevereiro. 

  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.