Créditos: PlayStation Store

Cuphead é lançado para PlayStation 4 e já pode ser baixado no console

Estúdio MDHR também disse que o DLC Delicious Last Course chega em breve em todas as plataformas

Durante a mais recente edição do Summer Game Fest, o estúdio independente MDHR anunciou o lançamento de Cuphead para PlayStation 4. O jogo conhecido pelo estilo de arte e dificuldade já está disponível na loja do console e pode ser adquirido e baixado hoje mesmo por R$ 83,50.

A chegada do indie no console foi revelada com um trailer feito em stop-motion pelo estúdio responsável pelo game. Apesar de o lançamento ser uma surpresa para muitos jogadores, ontem a PlayStation Store deixou escapar que Cuphead estava prestes a ser revelado para PS4.

Logo após Geoff Keighley, o organizador do Summer Game Fest, revelar que teria um anúncio vindo de um estúdio indie hoje, a PlayStation Store listou Cuphead entre os lançamentos. Após a repercussão do assunto, a empresa simplesmente retirou a imagem do game do ar, mas acabou deixando um espaço aberto na loja.

- Continua após a publicidade -

Além de revelar a chegada de Cuphead no PS4, o esvento também contou com mais detalhes sobre o DLC The Delicious Last Course. A expansão será lançada dentro dos próximos meses e estará disponível para todas as plataformas simultaneamente.

Multiplataforma

Cuphead foi lançado originalmente em 2017 no PC e Xbox One. O título era visto como um exclusivo do console Microsoft, já que foi feito em parceria com a empresa, mas acabou chegando em outras plataformas com o tempo.

O jogo de plataforma com vibe retrô chegou ao Nintendo Switch no ano passado. A Microsoft também lançou uma atualização para Cuphead trazendo suporte para Xbox Live no console híbrido, garantindo suporte para conquistas no game.

Além disso, o estúdio MDHR trabalhou em parceria com a Tesla no ano passado para levar Cuphead para os carros da marca. Mesmo assim, o lançamento do game para PS4 pode ser considerado uma surpresa.

- Continua após a publicidade -

Antes de Cuphead ser lançado, o estúdio responsável pelo game disse que o jogo nunca chegaria ao PS4, já que se tratava de um projeto feito em parceria com a Xbox. Na época, a produtora também ressaltou que é dona dos direitos da IP, logo, possivelmente a Microsoft garantiu mais liberdade para a produtora levar o título para mais plataformas.

Assuntos
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.