Créditos: Nintendo

Super Mario Bros. original lacrado é vendido por US$ 100 mil: o game mais caro do mundo

Cartucho em perfeito estado de conservação foi leiloado em Dallas

Um cartucho original e lacrado de Super Mario Bros. para o NES foi vendido recentemente num leilão, alcançando o exorbitante valor de US$ 114.000 - mais ou menos R$ 607.000 na cotação atual dessa postagem. O cartucho, do game originalmente lançado em 1985, foi vendido para um participante anônimo pela Heritage Auctions, que colocou uma nota de 9,4 para o estado de conservação do game, numa escala que termina no 10.

"A demanda por este jogo estava extremamente alta, e se qualquer lote na venda pudesse alcançar um número como esse, teria que ser exatamente este. Nós sabíamos que ia ser uma sessão ao vivo bem forte, mas não acho que qualquer pessoa poderia ter adivinhado quanta ação de propostas ia acontecer na Heritage Live e nos telefones."
Valarie McLeckie, diretor de vídeo games na Heritage Auction

"A demanda por este jogo estava extremamente alta, e se qualquer lote na venda pudesse alcançar um número como esse, teria que ser exatamente este. Nós sabíamos que ia ser uma sessão ao vivo bem forte, mas não acho que qualquer pessoa poderia ter adivinhado quanta ação de propostas ia acontecer na Heritage Live e nos telefones."
Valarie McLeckie, diretor de vídeo games na Heritage Auction

O preço alcançado no leilão é um recorde, fazendo deste o game mais caro já vendido na história. Ele bateu uma outra cópia de Super Mario Bros. também lacrada, que segurava o recorde desde fevereiro de 2019, quando foi vendida por US$ 100.000

- Continua após a publicidade -

Outros itens notáveis da Nintendo foram oferecidos no mesmo leilão, como uma cópia lacrade de Mike Tyson's Punch-Out, que saiu por US$ 50.000, e uma cópia muito rara de Super Mario Bros. 3 da primeira série de impressões de capa para o game saiu por US$ 38.000. No total, itens da Nintendo juntaram mais de US$ 699.000 durante o leilão.

"Essa cópia não aberta para este lançamento decolou para alturas recordistas também porque é parte de poucas produções do jogo embalado em caixas com uma alça de papelão sob o plástico, uma indicação de que ele é parte de uma das primeiras variantes produzidas depois que a Nintendo começou a usar plástico para selar seus jogos, em vez de adesivos."

"Essa cópia não aberta para este lançamento decolou para alturas recordistas também porque é parte de poucas produções do jogo embalado em caixas com uma alça de papelão sob o plástico, uma indicação de que ele é parte de uma das primeiras variantes produzidas depois que a Nintendo começou a usar plástico para selar seus jogos, em vez de adesivos."

Fonte: Rolling Stone
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.