Créditos: Reprodução/Techradar

Intel Core i7 da geração Rocket Lake pode chegar com 8 núcleos e 12 threads [Rumor]

Além disso, por conta da nova arquitetura Willow Cove, a linha Core i9 deverá ser lançada com 8 núcleos e 16 threads
Por Pedro Henrique 10/07/2020 22:56 | atualizado 10/07/2020 22:56 Comentários Reportar erro

Recentemente, o site Videocardz diz ter conseguido acesso a uma foto de uma das suas fontes confiáveis, da qual supostamente seria de um slide da Intel que detalha os níveis de desempenho que cada linha de processadores da futura geração Rocket Lake vPro (11ª geração) irá possuir.

Inicialmente, o que deve chamar mais a atenção sobre o slide é referente a contagem de núcleos e threads das linhas Core i7 e Core i9, que devem sofrer alterações por conta da nova arquitetura Willow Cove, que seria utilizada apenas nos processadores de 10 nm da empresa, porém, já estaria presente nos futuros processadores Rocket Lake, mas ainda no processo de fabricação em 14 nm.

Créditos na imagem: Reprodução/Videocardz

Por questões ligadas a limitações da futura arquitetura Willow Cove e do silício que será utilizada nas CPUs Rocket Lake, que não permitem processadores com mais que 8 núcleos, a 11ª geração Core i9 deve contar com 8 núcleos e 16 threads, enquanto os novos Core i7 serão equipados com 8 núcleos e 12 threads, uma configuração bastante inusual para o padrão do mercado.

- Continua após a publicidade -

Ainda não se sabe como isso irá funcionar, mas a Intel pode já estar "testando" essa possibilidade com a atual linha Comet Lake, em que os usuários podem alternar o funcionamento do HyperThreading por núcleo do processador, sendo que em gerações mais antigas, a Intel permitia apenas uma ativação total ou não da funcionalidade.

Outra informação interessante do slide vazado fala sobre os processadores Core i3 e Pentium, onde é indicado que essas futuras CPUs serão apenas um refresh dos atuais Comet Lake, mas que isso só aconteceria no segmento de entrada.

Claro, todas essas informações devem ser consideradas como rumor, além do que a linha vPro não é voltada para o consumidor doméstico, e sim para o mercado corporativo, porém, pode ser um indicativo do que pode estar por vir para a nova geração de CPUs da empresa.

A chegada dos processadores Intel Rocket Lake-S deve acontecer entre o final de 2020 e início de 2021, porém, questões relacionadas a atual pandemia do coronavírus e o estado do mercado de CPUs podem atrasar a chegada dos novos produtos da empresa.

- Continua após a publicidade -

Fonte: Tom's Hardware, Videocardz
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.