Créditos: Reprodução/Gamelab Live

Ex-chefe da PlayStation diz que desenvolvimento atual de AAAs é insustentável

Orçamento para criação de jogos precisa ser revisado ou será necessário reajuste nos preços finais
Por Mariela Cancelier 24/06/2020 22:07 | atualizado 24/06/2020 22:07 Comentários Reportar erro

O ex-executivo da PlayStation, Shawn Layden, discutiu e criticou o formato de produção dos jogos AAA atuais durante o evento Gamelab Live, que começou dia 23 de junho e deverá encerrar no dia 25. Segundo ele, a indústria deveria examinar a tendência de jogos maiores e mais caros, descrevendo o modelo AAA estabelecido como "simplesmente insustentável".

"A indústria como um todo precisa se sentar e perguntar: 'Ok, o que estamos construindo?'"

Durante o Gamelab Live, o executivo estava conversando sobre o novo título The Last of Us 2 (TLOU2), jogo que foi parcialmente desenvolvido enquanto ele estava na Sony. TLOU2 possui cerca de 10 horas a mais que o primeiro jogo da franquia, além de mais detalhes visuais e tecnologias mais avançadas. Entretanto, a crítica feita por Shawn é que um jogo "muito melhor" e que custou mais caro para ser produzido está sendo vendido ao mesmo preço que o primeiro. 

Pelo menos nos Estados Unidos, o preço de lançamento de ambos os games (The Last of Us e The Last of Us 2) foi de US$ 59,99.

- Continua após a publicidade -

Ainda de acordo com o executivo, The Last of Us precisa de 15 horas para ser concluído, enquanto The Last of Us 2 exige cerca de 25 horas para ser zerado. Além disso, o primeiro jogo levou três anos e meio para ser produzido, já sua sequência foi lançada após seis anos de desenvolvimento. É claro que não há como saber o orçamento da Sony para ambos os games, mas é provável que a empresa tenha investido uma diferença substancial entre eles.

Se você não tem elasticidade no preço, o modelo se torna mais difícil

"O problema desse modelo é que ele simplesmente não é sustentável", explicou Shawn. De acordo com ele, a geração atual atingiu um custo de desenvolvimento de games entre US$ 80 milhões e US$ 150 milhões para a maioria dos jogos AAA, isso excluindo os custos de marketing. Não apenas o orçamento, mas o tempo de produção também foi aumentada, chegando a levar cinco anos.

"Não acho que na próxima geração você possa pegar esses números e multiplicá-los por dois e pensar que pode crescer. Acho que a indústria como um todo precisa se sentar e dizer: 'Tudo bem, o que estamos construindo? Qual é a expectativa do público? Qual é a melhor maneira de divulgar nossa história e dizer o que precisamos dizer?''."
Ex-chefe da PlayStation, Shawn Layden

"Não acho que na próxima geração você possa pegar esses números e multiplicá-los por dois e pensar que pode crescer. Acho que a indústria como um todo precisa se sentar e dizer: 'Tudo bem, o que estamos construindo? Qual é a expectativa do público? Qual é a melhor maneira de divulgar nossa história e dizer o que precisamos dizer?''."
Ex-chefe da PlayStation, Shawn Layden

- Continua após a publicidade -

Shawn Layden trabalhou durante 25 anos na Sony e comentou que fazem anos que os preços de lançamento são os mesmos, mas o valor de produção aumentou dez vezes. De acordo com ele, é necessário rever os valores de orçamento ou aumentar o preço final dos games, mesmo que isso desagrade jogadores. Com as novas gerações, jogos AAA ficarão ainda mais caros de se produzir, o que deve tornar a indústria insustentável, de acordo com seu pensamento.

Fonte: Games Industry
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.