Créditos: Bethesda

Bethesda remove Denuvo Anti-Cheat de DOOM Eternal em atualização no PC

O patch também inclui outros aprimoramentos para o game. Confira!
Por Mateus Mognon 28/05/2020 15:13 | atualizado 28/05/2020 16:29 Comentários Reportar erro

A Bethesda lançou o update 1.1 para DOOM Eternal no PC, que tem como principal novidade a retirada da integração com o Denuvo Anti-Cheat, sistema da empresa de segurança Irdeto para evitar trapaças online. Além disso, a atualização conta com outras melhorias para o desempenho do game.

O update exclusivo para a versão de computadores do game retira a integração com o sistema de segurança, que funciona de maneira similar ao Vanguard, presente em Valorant, e acaba sendo mais intrusivo do que o normal.


(Imagem: Irdeto/Reprodução)

De acordo com as notas de patch, o Denuvo Anti-Cheat pode ser removido do game utilizando o sistema de desinstalação de programas do Windows. Para fazer isso, basta que o usuário encontre o Denuvo na lista de programas e realize a remoção do PC.

Apesar da saída do Anti-Cheat, a Bethesda ainda mantém no game o Denuvo Anti-Tamper. A polêmica solução é uma proteção extra para as tecnologias de DRM e serve para garantir uma janela de lançamento sem pirataria para o produto.

Enquanto o Denuvo Anti-Tamper consegue obter sucesso nessa missão em certos casos, DOOM Eternal foi pirateado apenas um dia após seu lançamento. Segundo testes realizados em outros jogos, o Anti-Tamper da Irdeto pode prejudicar o desempenho do game, logo, a retirada da solução seria uma boa notícia para os jogadores.

- Continua após a publicidade -

As notas de atualização apontam que o patch conta com diversas correções relacionadas com as skins customizadas. O update também corrige problemas ligados ao uso de memória do game.

Por fim, a atualização reverte uma mudança na alocação de RAM introduzida no Update 1. A novidade acabou gerando problemas para certos jogadores.

DOOM Eternal foi lançado em março deste ano e está disponível no Steam por R$ 199. O game também pode ser jogado no PS4, Xbox One e Switch.

Via: WccFTech
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.