Créditos: Microsoft

Supercomputador OpenAI da Microsoft é equipado com CPU AMD Epyc

AMD revelou em seu Twitter qual o processador que integra o projeto da Microsoft
Por Ana Luiza Pedroso 25/05/2020 12:10 | atualizado 25/05/2020 12:32 Comentários Reportar erro

A Microsoft já havia confirmado que está trabalhando em um supercomputador, que será voltado para aprendizado de Inteligência Artificial (IA). Apesar disso, ela não menciona em sua publicação as empresas parceiras, que fornecem o hardware para a sua máquina. Segundo um tweet feito pela AMD, parece que o sistema é baseado em processadores Epyc.

A publicação cita o Tweet feito pela Microsoft, anunciando o seu projeto. A AMD fala "Parabéns aos amigos da AMD no Azure por criar este supercomputador incrível na nuvem com mais de 285.000 núcleos de CPU! A AMD está animada para ver o que você e a @openai farão com isso!" Você pode ver a original abaixo:

Apesar de não falar explicitamente que os processadores são AMD Epyc, a empresa cita a maior qualidade do seu CPU. O fato de mostrar que o sistema possui 285.000 núcleos é prova o suficiente que se trata do hardware da empresa.

- Continua após a publicidade -

A Microsoft não se pronunciou sobre o assunto. Não se sabe qual o motivo da empresa não falar qual CPU a sua máquina está usando. Ela não negou que está trabalhando em parceria com a fabricante da Epyc, mas também não confirmou a informação. Apesar disso, a AMD fez questão de mostrar para o seu público a capacidade de seu processador. 

O projeto da Microsoft está sendo chamado de OpenAI. Ele é um supercomputador voltado especificamente para avanços em Inteligência Artificial na nuvem. Esse é um novo modelo que está sendo testado e implementado pela gigante de softwares.

Geralmente, a IA é testada em pequenas máquinas, que são voltadas para ações específicas. O que está sendo provado é que a eficiência é maior quando usado um computador de alta performance. 

“Esse tipo de modelo pode absorver tão profundamente as nuances da linguagem, gramática, conhecimento, conceitos e contexto que pode se destacar em várias tarefas: resumir um discurso demorado, moderar o conteúdo em bate-papos ao vivo ou até gerar código a partir do GitHub"
- publicação original do Microsoft Blog 

“Esse tipo de modelo pode absorver tão profundamente as nuances da linguagem, gramática, conhecimento, conceitos e contexto que pode se destacar em várias tarefas: resumir um discurso demorado, moderar o conteúdo em bate-papos ao vivo ou até gerar código a partir do GitHub"
- publicação original do Microsoft Blog 

O principal objetivo da Microsoft é engrandecer a tecnologia, investindo ainda mais em IA. Seu modelo e seus recursos de supercomputação vão ser disponibilizados futuramente para empresas e cientistas. Os cliente dos serviços de IA do Azure e do Github vão poder se beneficiar dos avanços que estão sendo feitos pela empresa.

Via: TechRadar
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.