Créditos: PC Magazine

É necessário uma GeForce RTX 2070 Super Para rodar demo de Unreal Engine 5 no PC

Segundo a Epic, além da placa high end, seria necessário um SSD NVME, pois os SATA não possuem velocidade suficiente para carregar as texturas

O evento de ontem da Epic Games apresentando seu mais novo motor gráfico, o Unreal Engine 5, aumentou as especulações sobre o desempenho dos hardwares da nova geração, uma vez que ao apresentar uma demo técnica rodando em tempo real no que seria um Playstation 5 segundo Brian Karis e Jerome Platteaux, respectivamente diretor de gráficos e diretor de arte da Epic Games.

A tech demo foi bem impressionante, especialmente porque desde que começaram os vazamentos e confirmações sobre os dados técnicos dos consoles da Sony e Microsoft, que ainda estão programados para serem lançados esse ano,  o Playstation 5 vinha sendo alvo de piadas e críticas por se tratar do console menos potente, mas ao que parece isso não deve ser um problema nem para os desenvolvedores e muito menos para os jogadores.

Alguns dos principais engenheiros da Epic, inclusive seu fundador Tim Sweeney, deram uma entrevista à Eurogamer para discutir em detalhes o que foi mostrado na apresentação e um desses detalhes foi que, segundo eles, para rodar a mesma tech demo de maneira fluida num PC seria necessário no mínimo uma GeForce RTX 2070 Super.

- Continua após a publicidade -

Além disso a Epic revelou também que a demo rodou no Playstation 5 com resolução dinâmica, na maior parte do tempo rodando em 2560x1440 (Quad HD) e o hardware dedicado de Ray Tracing da plataforma estava desativado, mas tudo foi rodado pelos processadores de shader, o que significa que hardwares sem suporte a Ray Tracing podem apresentar resultados parecidos no novo Unreal Engine 5.

A Epic destacou também os diversos benefícios do SSD do PS5, alegando que não teria sido possível alcançar esses mesmos resultados em máquinas utilizando discos rígidos padrão, ou mesmo SSDs SATA, uma vez que eles não teriam velocidades de leitura suficiente para carregar as texturas em alta definição em tempo para uma renderização fluida. Para alcançar os mesmos resultados no PC, além de, no mínimo uma placa GeForce RTX 2070, seria necessário um SSD NVME de altas velocidades de leitura sequencial e assíncronas. Infelizmente o lançamento oficial do Unreal Engine 5 pela Epic é esperado apenas para o começo de 2021 para colocar isso a prova em bancadas, e mais ainda para vermos desenvolvedores começando a implementar o uso da ferramenta em suas novas produções, mas por ser um dos principais motores gráficos utilizados, o UE5 deve contribuir amplamente para definir os padrões do que esperar dos jogos nos próximos anos e já preparar o bolso para os upgrades nos PCs.

Via: Guru3D
  • Redator: Daniel Trefilio Carvalho

    Daniel Trefilio Carvalho

    Formado em Letras pela Universidade Estadual de Campinas, professor, tradutor e revisor. Nas horas vagas, instalando impressora e formatando PCs desde os tempos que Alone In The Dark era um jogo bom e ocupava 4 disketes.

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.