Créditos: WCCFTech

Futuros chips de AMD, Intel e Nvidia em 5nm já estariam reservados para produção pela TSMC

Processadores da arquitetura Zen4 e GPUs RDNA3, Xe e Hopper já teriam suas fabricações reservadas para os anos de 2021 e 2022

Recentes rumores publicados no site chinês ChinaTimes, que teria vazado um suposto slide com detalhes dos pedidos de diversas fabricantes por chips em 5nm e 5nm+, diz que AMD, Nvidia e Intel, juntos com outras empresas do ramo mobile, já teriam reservados suas respectivas fatias da produção em massa da TSMC para seus futuros produtos.

Plano de investimento de 5nm da TSMC (5nm e 5nm+)

Produção em massa (2020)

  • Apple: A14/A14X;
  • Huawei HiSilicon: Kirin 1000 e chips para redes

Produção em massa (2021-2022)

  • AMD: CPUs da microarquitetura Zen4 e GPUs Radeon RDNA3 
  • Broadcom: Chips para redes de alta velocidade
  • Qualcomm: Snapdragon 875 e X60, além de outros modens 5G
  • Nvidia: GPUs da arquitetura Hopper 
  • Mediatek: SoCs da série Dimensity 2000
  • Intel: GPUs da arquitetura Xe ou FPGA
  • Apple: A15 Bionic
  • Huawei HiSilicon: Kirin 1100, além de processadores focados em AI e servidores

Por parte da empresa da Dr. Lisa Su, esses chips em 5nm seriam destinados para a fabricação dos novos processadores da microarquitetura Zen4 (codinome "Genoa") e das GPUs Radeon RDNA3, onde um report publicado em março pelo site WikiChips já diz que esses futuros chips são muito poderosos e devem garantir um aumento de 84% a 87% na densidade do transistor em relação aos chips em 7nm.

- Continua após a publicidade -

Quem também parece estar disposto a investir pesado na futura fabricação dos chips em 5nm é a Nvidia, que é reportada que utilizará essa demanda para a produção das suas futuras placas de vídeo da geração Hopper, assim confirmando um recente rumor vindo da DigiTimes de que a empresa já planeja seu futuro pós-lançamento das novas GPUs Ampere (que devem ser lançadas em breve).

Porém, quem aparece de forma surpreendente nesta lista é a Intel, que já teria solicitado a fabricação dos novos chips para a produção das novas GPUs Xe. Segundo o site WCCFTech, esse movimento da empresa faria sentido pelo fato de que sua fábrica já estaria funcionando em capacidade total, sendo assim, enviar parte dessa demanda para a TSMC, que já conta com larga experiência em fabricação de GPUs), não seria uma grande surpresa.

Junto com essas empresas, Apple, Huawei, Broadcom, Qualcomm e MediaTek também já garantiram suas fatias da produção dos chips em 5nm, essas focadas em SoCs e chips para dispositivos móveis (smartphones, notebooks, tablets).

- Continua após a publicidade -

Com notícias relatando que a produção de 5nm já completamente reservada, o slide diz que a primeira leva de chips desse novo processo de fabricação será destinada à Apple (com os novos A14/A14X Bionic) e Huawei (com o Kirin 1000), com a produção em massa se iniciando no terceiro trimestre de 2020.

Fonte: TweakTown, WCCFTech
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.