Créditos: ASRock

ASRock apresenta placas-mãe Intel H470, B460 e H410 para CPUs Comet Lake

Hardware é compatível com processadores Intel de 10ª geração, usando socket LGA 1200
Por Carlos Felipe Estrella 11/05/2020 16:49 | atualizado 11/05/2020 18:01 Comentários Reportar erro

A fabricante taiwanesa de hardware, ASRock, anunciou suas novas placas-mãe de entrada e intermediárias com suporte para os processadores Intel de 10ª Geração (de codinome Comet Lake). Esses peças trazem os chipsets H470, B460 e H410, que certamente custarão mais baratos do que o topo de linha Z490.

Como é de se esperar, as placas-mãe H470 são o mais próximo que você pode chegar do Z490. As placas-mãe vêm apenas com quatro linhas PCIe 3.0 a menos e com duas portas USB 3.2 a menos também. De resto, elas mantêm o mesmo conjunto de recursos da Z490, incluindo suporte para Intel Optane, Smart SoundIntel Wi-Fi AX201.

Site oficial: ASRock H470 Steel Legend

Já os modelos B460 são mais pensadas para empresas, com a ASRock cortando a comunicação wireless e as portas USB 3.2 delas. Para completar, tem ainda os modelos H410, que trazem menos espaço para memória RAM, menos linhas PCIe 3.0 e menos portas SATA III.


Fonte: ASRock

- Continua após a publicidade -

Site oficial: ASRock B460 Steel Legend

No total, são quatro placas-mãe H470: H470 Steel Legend, H470 Phantom Gaming 4, H470M Pro4 e H470M-ITX/ac. Todas suportam até 128GB de memória. Os dois primeiros modelos são alimentados por sistemas de energia de 10 fases, enquanto a opção micro-ATX tem 9 fases e a Mini-ITX tem 7 fases.


Fonte: ASRock

Site oficial: ASRock H410M-HDV/M.2

- Continua após a publicidade -

A companhia ainda apresentou sete modelos B460, sendo três deles ATX, três micro-ATX e mais um Mini-ITX. Novamente, a diferença entre eles está entre nas fases do VRM, os slots PCIe 3.0 x16, a capacidade de memória e as portas SATA.


Fonte: ASRock

Para completar, são sete modelos H410, com seis deles trazendo o formato micro-ATX e um outro sendo Mini-ITX. Todos têm suporte para apenas dois módulos de memória RAM, para um máximo de 64GB, apenas um slot PCIe 3.0x16 e quatro portas SATA.

A empresa também irá lançar placas-mãe W480, que será mais focado em workstations – com recursos que a maioria dos usuários domésticos nunca irá usar. Enquanto isso, é importante notar que os chipsets intermediários e de entada não terão dois recursos exclusivos dos modelos Z490: overclocking e suporte a Nvidia SLI.

Como explica o site Tom's Hardware, algumas fabricantes como a ASRock introduziram um recurso proprietário conhecido como Base Frequency Boost (BFB), que permite fazer overclock do clock base de um processador Comet Lake-S bloqueado numa placa-mãe que não seja da série Z. A Intel ainda não se manifestou sobre o recurso


Fonte: Tom's Hardware

Apesar de apenas a Z490 suportar SLI, os modelos mais baratos da ASRock permitirão que os jogadores com placas de vídeo da AMD utilizem até três GPUs em CrossFireX. Afinal, a AMD só pede quatro linhas PCIe para criar uma configuração de multi-GPU.

Via: Tom's Hardware
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.