Cyberpunk 2077 recebe classificação indicativa [+18] no Brasil

Jogo conta com cenas que envolvem drogas ilícitas, prazer sexual e violência
Por Mariela Cancelier 27/04/2020 15:32 | atualizado 27/04/2020 15:32 Comentários Reportar erro

Cyberpunk 2077 é um dos jogos que está sendo muito aguardado pela comunidade gamer em 2020, mas será que você poderá jogá-lo segundo a classificação indicativa? O título recebeu a tag [+18] no Brasil por conter conteúdo como violência explícita, drogas ilícitas e cenas altamente sexualizadas.

O jogo da CD Projekt RED foi classificado pelos órgãos responsáveis brasileiros como conteúdo recomendado adulto. Então, de maneira legal, Cyberpunk 2077 não deverá ser jogado por quem é considerado criança ou adolescente aqui no país.

Veja neste link como funciona o Sistema de Classificação Indicativa Brasileiro

O próprio estúdio responsável pelo jogo já tinha declarado que o título seria pesado. Pawel Sasko, designer-chefe da CD Projekt RED disse em um tweet respondendo à um fã chocado com o conteúdo "pesado" que o game continha que eles "não estão de brincadeira". 

- Continua após a publicidade -

Confira abaixo os detalhes:
- Armas sem violência
- Uso ilícito moderado ou indicado de drogas
- Armas com violência
- Ato criminal sem violência
- Descrição de consumo de drogas ilícitas
- Linguagem depreciativa
- Agressão verbal
- Atos violentos
- Prazer sexual
- Consumo de drogas ilícitas
- Descrição de violência
- Exposição ao perigo
- Exposição a cadáveres
- Lesão corporal
- Linguagem obscena
- Linguagem sexual
- Sangue
- Descrição de consumo de drogas ilícitas ou tráfico
- Sexualização
- Exploração sexual
- Morte intencional
- Nudez
- Prostituição
- Relações sexuais
- Consumo de drogas ilícitas
- Mutilação
- Relações sexuais intensas
- Suicídio
- Crueldade

Cyberpunk 2077 está programado para chegar no dia 17 de setembro para PlayStation 4, Xbox One, PC e Google Stadia.

Via: MeuPS Fonte: GameRant
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.