Créditos: Hello Games

No Man's Sky vai ganhar updates ainda mais ambiciosos em 2020

Nos últimos meses, game ganhou naves orgânicas e exo-mechas, entre outras coisas
Por Carlos Felipe Estrella 25/04/2020 21:16 | atualizado 25/04/2020 21:16 Comentários Reportar erro

A desenvolvedora independente Hello Games anunciou que tem planos para trazer atualizações ainda mais ambiciosas para No Man's Sky através ainda neste ano. Nos últimos meses, o jogo de exploração e sobrevivência espacial já ganhou recursos como naves orgânicas, exo-mechas e até uma suite de criação de áudio completa.

Numa postagem publicada recentemente no blog oficial do game, os desenvolvedores compartilharam que estão muito satisfeitos com a quantidade de conteúdo adicionado ao jogo nos últimos cinco meses.

Ainda em 2020, a produtora pretende agraciar os jogadores com uma série de conteúdos. Para começar, os jogadores vão poder obter uma nova versão da Exosuit Backpack (Mochila Exoesqueleto) padrão, que vai ter uma atualização em seu visual remetendo às primeiras semanas depois que No Man's Sky chegou ao mercado.

Fonte: Hello Games

Além disso, as plantas tóxicas Blistering Mushroom, Watchful Protrusion e Tentacle Spire agora poderão ser compradas na loja do Quiksilver Bot. Elas podem ser usadas para decorar as bases habitáveis e os espaços de convivência do jogo.

- Continua após a publicidade -

Os usuários também podem esperar a adição de novas missões de fim de semana. Começando por hoje, os jogadores já podem conversar com a Iteration: Ariadne a bordo da Space Anomaly para descobrir mais sobre esse assunto.

Como conta o site Gamespot, os desenvolvedores ainda falaram sobre o futuro do game a médio e longo prazo. A equipe da Hello Games diz que já está bem acomodada no seu novo ambiente de trabalho remoto e que os jogadores podem esperar adições mais ambiciosas para o universo de No Man's Sky nos próximos meses.

Via: Gamespot Fonte: No Man's Sky
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.