Créditos: Nintendo

Anatel homologa Switch Lite e seu kit para desenvolvedores no Brasil

Enquanto isso, versão padrão do console da Nintendo está em processo de aprovação pelo órgão

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) brasileira acaba de homologar o console portátil Nintendo Switch Lite, junto dos kits para desenvolvedores dos modelos padrão e Lite. Enquanto isso, o versão padrão do console híbrido da Nintendo está entrou no processo de aprovação aqui no país.

Vale lembrar que os Joy-Cons e o Pro Controller do Nintendo Switch já estavam liberados para serem vendidos por aqui. A descoberta foi feita pelo blogueiro @evefavretto, que costuma ficar de olho nas homologações da Anatel.

Segundo ele, o modelo HDH-001 corresponde ao Nintendo Switch Lite. Já o número de série HDH-002 é para o kit para desenvolvedores do Switch Lite. Para completar, o HAT-001 seria o dev kit do Switch padrão.

- Continua após a publicidade -

Ainda de acordo com o blogueiro, há ainda outro código no site da Anatel que vai interessar aos fãs da Nintendo: o HAC-001. Esse produto se trataria da revisão do Switch padrão que a fabricante japonesa lançou em 2019. Ela traz um processador Nvidia Tegra X1 e mais eficiente, que passa a ser fabricado em 16nm pela TSMC (contra 20nm do modelo original).

Junto de outras alterações, essa mudança faz com quem a revisão do console tenha uma maior autonomia. Enquanto o modelo original tinha entra 2h30min e 6h50min de duração de bateria – dependendo do jogo – a nova versão possui entre 4h30min e 9h de autonomia.


Fonte: Anatel

O site Tecnoblog explica que a homologação foi feita após um pedido da DKAF Representações. A empresa tem sede em Poço de Caldas-MG e revelou que não irá vender o produto diretamente.

Um porta-voz da companhia explicou que a Nintendo deverá desenvolver uma parceria comercial com outra companhia. Essa outra empresa que deverá ser a responsável pela venda dos consoles no Brasil.

- Continua após a publicidade -

"Fomos acionados por um agente do exterior para sermos o local holder. A homologação neste momento inicial de regularização junto à Anatel sairá em nosso nome, mas não realizaremos nenhuma venda do produto diretamente".
Comunicado oficial da DKAF

"Fomos acionados por um agente do exterior para sermos o local holder. A homologação neste momento inicial de regularização junto à Anatel sairá em nosso nome, mas não realizaremos nenhuma venda do produto diretamente".
Comunicado oficial da DKAF

Via: Tecnoblog Fonte: Insiraficha
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.