Créditos: Sony

Após adiamento, Sony retira The Last of Us 2 da loja do PS4 e oferece reembolso

Antes previsto para maio, o jogo da Naughty Dog não tem mais uma data de lançamento devido ao Coronavírus

No fim da semana passada, a Sony adiou por tempo indeterminado o aguardado jogo The Last of Us Part 2, que estava previsto para chegar em 29 de maio. Após retirar a data de lançamento do game, a companhia suspendeu a pré-venda na PlayStation Store e também está oferecendo reembolso para quem já adquiriu uma cópia digital do título.

Além de ter retirado o game da Naughty Dog da PlayStation Store, a companhia também não está mais permitindo a compra antecipada de Iron Man VR, que também foi adiado. No site de suporte do serviço, a Sony explica que enviará um reembolso automático para todos os usuários que fizeram a pré-venda, possivelmente por meio de créditos na PSN.

"O lançamento de The Last of Us Part II e Iron Man VR foi adiado. Todos os consumidores da pré-venda digital receberão um reembolso automático. Verifique seu email para saber mais detalhes", explica a companhia, em mensagem presente no site de suporte da PlayStation.

- Continua após a publicidade -

O fim da pré-venda de The Last of Us 2 e Iron Man VR na PlayStation Store já era esperado. A Sony costuma liberar a compra antecipada de títulos que possuem lançamento estipulado. Agora, como os jogos não têm uma data de chegada, era questão de tempo até que os produtos acabassem saindo da loja.

Por outro lado, a companhia ainda está comercializando as edições físicas do game no Brasil. A loja oficial da PlayStation na Amazon está oferecendo as versões padrão e especial das cópias físicas no Brasil. É importante ressaltar que os produtos estão listados no e-commerce com lançamento para maio. Ou seja, existe a possibilidade da companhia suspender a compra antecipada dos produtos futuramente. 

The Last of Us 2 e Iron Man VR foram adiados por tempo indeterminado devido à pandemia do Coronavírus. Enquanto as desenvolvedoras confirmam que os games estão praticamente prontos, a Sony disse que as limitações causadas pela COVID-19 podem atrapalhar a logística de distribuição e lançamento dos games.

A Square Enix passou por um dilema parecido recentemente com Final Fantasy 7 Remake, mas ao invés de adiar o jogo, resolveu enviar cópias antecipadamente para mercados mais afetados pelo coronavírus. Com isso, alguns consumidores receberam o jogo antes, abrindo brechas para que spoilers da história apareçam na internet.

Qual a melhor opção para lidar com essa crise? Responda na nossa enquete da semana:

O que você prefere?

O jogo adiar
52.93%
Correr o risco de ter spoiler
47.07%

Total de 1449 votos

Via: Push Square
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.