Créditos: AMD

AMD vai substituir StoreMI por nova versão ainda esse ano - Links já removidos

Empresa está preparando uma versão aprimorada para o fim do terceiro trimestre

A AMD anunciou que está encerrou a atual versão da tecnologia StoreMI. A empresa não está permitindo que o download seja feito desde 31 de março de 2020. Os usuários que já tem baixado vão poder continuar usando sem problemas, mas não será disponibilizada nenhuma nova versão e as atuais não terão mais nenhum suporte técnico. A empresa está trabalhando em uma versão aprimorada, para ser lançada nos próximos meses.

A tecnologia StoreMI será substituída e, para isso, a AMD está concentrando a sua equipe para o desenvolvimento da próxima geração. É esperado que o seu desenvolvimento esteja pronto para o segundo trimestre de 2020, juntamente com os novos chipsets da empresa. 

O StoreMI, é um recurso que a AMD apresentou juntamente com a Ryzen series 2000 e os chipsets correspondentes da série 400. Posteriormente, também foi adicionado ao chipset X399. Os modelos mais recentes, como a série Ryzen 3000 e o chipset X570 de ponta também tem suporte para o StoreMI. Todos esses modelos devem receber o update, assim que disponibilizado.

O StoreMi permite que a velocidade de HDs seja até 3x mais rápida

- Continua após a publicidade -

O principal objetivo da tecnologia é melhorar o desempenho de HDs. Para isso, a AMD permite a combinação de um HDD e SSD com uso de cache. Isso faz com que os aplicativos e sistemas consigam carregar até três vezes mais rápido, em comparação apenas com o HDD.

O AMD StoreMI emparelha os arquivos usados com mais frequência, colocando eles em uma unidade de armazenamento mais rápida, para obter melhor desempenho. Ele também permite que o usuário possa atribuir um cache de até 2 GB de RAM para dados.

A empresa fala que com o StoreMi o tempo de inicialização do Windows é de até 2,3 vezes mais rápido. Além disso, os aplicativos apresentam melhoria de até 9,8 e os jogos rodam até 2,9 vezes mais rápido. O sucessor deve superar esses números, tornando a tecnologia ainda mais eficiente, porém não foi informado nada relacionado a compatibilidade dos atuais chipsets.

Para quem deseja ter acesso a tecnologia, o ideal é que ache alguns softwares similares, como o Enmotus FuzeDrive - do mesmo desenvolvedor do StoreMi da AMD -, mas a empresa não recomenda fazer o download do StoreMI por sites terceiros. Isso porque a tecnologia que irá substituir já está sendo trabalhada e a empresa não dará nenhum suporte para a atual, além de não ter nenhuma confirmação da segurança dos sites que estiverem hospedando.

Via: Tom's Hardware, Guru3D
Tags
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.