Créditos: TheGamePost

GTA VI já tem domínio de site registrado pela  Take-Two Interactive

Anúncio do próximo game da franquia pode estar próximo

O próximo capítulo da franquia Grand Theft Auto VI pode estar cada vez mais próximo. A editora responsável pelo game, a Take-Two Interactive - dona das empresas RockStar e 2K Games -, registrou o domínio gtavi.com. Apesar de ainda não ter nada no site, esse espaço já está reservado para hospedar futuras informações sobre a sequência do jogo.

GTA V foi lançado em 2013, para multiplataformas. Ele é um dos maiores e mais conhecidos jogos de ação de mundo aberto. Há muitos anos já se fala sobre o desenvolvimento da sequência do game, o GTA VI, apesar de nada ter sido confirmado pelas desenvolvedoras. É esperado que o game traga um universo ainda maior, com muitos mapas para a exploração.

A RockStar, que é uma das principais desenvolvedoras, ainda não comentou sobre um possível anuncio sobre o game. A data de registro do domínio foi o dia 23 de março de 2020, mas não deixa muitos detalhes.

- Continua após a publicidade -

O nome do site não está registrado como RockStar Games, ou Take-Two Interactive, mas sim “MarkMonitor, Inc.”. Esse é o nome usado pela dona das editoras para fazer uma série de registros, para diferentes títulos.

Além de gtavi.com, também foi feito o registro de gta-miami.com. O segundo domínio praticamente confirma que o game terá como cenário principal Vice City, que é inspirada e praticamente reproduz a cidade de Miami.

É esperado que o cenário seja expandido na sexta geração do game. Algumas das adições devem ser aeroportos, que vão dar a possibilidade do jogador voar de um cenário para o outro, com maior velocidade.

Alguns sites dizem que o anúncio oficial de GTA VI pode acontecer em breve, mas pode ser também apenas uma "garantia", para reservar o espaço para o site do game. Um rumor afirmava que o game seria lançado em 2021, para os consoles de próxima geração: Xbox Series X e PlayStation 5. Ele também deve ter versão para PC, para Microsoft Windows.

Via: TechPowerUp
Tags
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.