Envios de GPUs e placas-mãe podem ter queda de 50% até julho de 2020

A baixa se deve a epidemia de Coronavírus que reduziu a produção

Desde o início do surto de Coronavírus já se especulava como isso poderia afetar a indústria de tecnologia. Um novo relatório divulgado pela DigiTimes mostra que os envios para placas-mãe e GPUs podem cair em até 50% até julho de 2020. Em alguns países, o índice de queda no setor de hardware é o maior já registrado na história.

Esse número se dá devido a baixa na produção nos primeiros meses de 2020. O Coronavírus começou por Wuhan, na China, e logo se disseminou pelas demais cidades chinesas. Muitas delas é onde se localiza as mais importantes fábricas de componentes eletrônicos do mundo. 

Além da produção ter diminuído, o transporte dos equipamentos também parou. Mesmo com os componentes já fabricados, eles não estavam sendo distribuídos. A reação é em cadeia, com menos produção, o consumo também diminui. 

A demanda também estava menor, principalmente pela China. Isso por medidas de prevenção que exigem isolamento, o máximo possível. Alguns dos observadores de mercado esperam que a demanda volte a crescer apenas no terceiro trimestre de 2020, de forma sazonal. Apesar disso, o DigiTimes relata que é improvável que empresas como Nvidia, AMD e Intel consigam atingir as metas estipuladas para esse ano.

Recentemente foi noticiado que as ações das empresas já tinham caídos dois dígitos. A AMD teve uma queda de 14,64% no preço das ações, caindo em 39,01. A Nvidia passou por uma queda de 12,24% e preço das ações estão em 216,31. Já a Intel teve uma queda menor de 11,85%, indo para 45,54. A Micron Technology sofreu 11,23%, 38,81.

Uma das prováveis consequências dessa situação é que os preços tenham uma redução, para estimular o consumo. Isso só deve acontecer caso as vendas demorem mais do que os gargalos de fabricação que as fábricas estão enfrentando atualmente.

Outra possibilidade é que os produtos que estavam sendo desenvolvidos para ser lançados em 2020 sejam adiados. O CEO da Nvidia, Jensen Huang, já anunciou que a sua próxima linha de produtos que seriam apresentadas na GTC (GPU Technology Conference) "Pode esperar".

As demais empresas ainda não anunciaram um plano de adiamento para o lançamento de seus produtos de 2020. Ainda não tem como saber quais serão as estratégias usada por cada companhia. 

Via: TechPowerUp Fonte: DigiTimes
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

Qual vai ser o melhor game de abril de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.