Preço dos Ryzen 3000 caem até US$ 50 nos Estados Unidos

Impacto no produto final pode ter relação com que nas ações da AMD devido ao Coronavírus

Agora parece ser um ótimo momento para montar um PC novo e utilizar processadores da família Ryzen 3000 (pelo menos nos Estados Unidos). Os preços das CPUs estão caindo no país, e até mesmo na Europa alguns produtos como o Ryzen 9 3900X passaram de um valor de mercado de 539 euros para 450 euros, de acordo com informações do Guru 3D. A queda no preço dos Ryzen pode ser uma consequência da queda nas ações da AMD devido à epidemia global Coronavírus.


Tabela fornecida pelo site Guru3D

Ao contrário do que alguns pensam sobre o impacto da doença, muitos outros sites ligados à área de tecnologia presumem que a AMD está realizando uma promoção em colaboração com lojas on-line e etailers. Além da "promoção", a AMD também está dando aos compradores um código para três meses do serviço Xbox Game Pass no PC. Com exceção ao modelo Ryzen 9 3950X  de mais de 16 núcleos, todos os outros produtos da família tiveram um corte de preço.

O segmento inferior, incluindo os Ryzen 3600, 3600X e 3700X tiveram uma redução de cerca de US$ 25. Já a linha Ryzen 7 3800X parece ter ficado US$ 40 mais barato. A maior queda no preço é do Ryzen 9 3900X que está disponível agora por US$ 419 - uma diferença de preço de US$ 50. Ainda de acordo com o Guru3D, esses preços com desconto devem se manter até o final deste mês.

- Continua após a publicidade -

Novos índices do Google Finanças revelaram que ações de grandes empresas como AMD, Nvidia e Intel caíram dois dígitos nos últimos dias. A AMD teve uma queda de 14,64% no preço das ações, caindo em 39,01. A Nvidia passou por uma queda de 12,24% e preço das ações estão em 216,31. Já a Intel teve uma queda menor de 11,85%, indo para 45,54. A Micron Technology sofreu 11,23%, 38,81.

Via: Guru3D
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.