Ubuntu abandona X11 e migra para o Wayland

Mais uma mudança no Ubuntu. Após o anúncio do abandono do GNOME e a migração para o Unity, desta vez quem vai embora é o sistema grÁfico X Windows System (X11). Seu substituto serÁ o Wayland, baseado no padrão OpenGL.

O anúncio foi feito no blog de Mark Shuttleworth, o criador do Ubuntu, que tranquilizou os usuÁrios dizendo não esperar muitas dificuldades relacionadas a compatibilidade durante a migração.

"Nós estamos confiantes de que poderemos manter a capacidade de rodar aplicações X em modo de compatibilidade, então esta não é uma transição que precisarÁ 'resetar' o mundo do software livre para desktop. Também não é uma transição que todos precisam fazer ao mesmo tempo: pelo mesmo motivos que continuaremos a investir na experiência 2D no Ubuntu apesar de também acreditarmos que o Unity é a melhor interface para desktop. Nós ajudaremos GNOME e KDE na transição", disse.

Disse ainda estar "confiante de que nenhuma outra iniciativa poderÁ superar o Wayland, especialmente quando estiver agregado com o Unity e o uTouch". O comunicado, porém, não diz qual versão do sistema passarÁ a usar o Wayland.


Vídeo de demonstração do Wayland

Assuntos
Tags
  • Redator: Alexandre Lunelli

    Alexandre Lunelli

    Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Alexandre é um entusiasta da fotografia, música, e demais áreas que não cansem muito. Fã da comunidade opensource, e sonha com um mundo mais bonito, igualitário e sem o trabalho, mal que corrompe a humanidade.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.