Créditos: GoNintendo

Kazuhisa Hashimoto, criador do clássico "Código da Konami", faleceu ontem aos 61 anos

Foi ele o responsável pelo "cima-cima-baixo-baixo-esquerda-direita-esquerda-direita-B-A-Start"
Por Saori Almeida 26/02/2020 14:31 | atualizado 26/02/2020 14:31 Comentários Reportar erro

O programador e desenvolvedor Kazuhisa Hashimoto, criador do "Código da Konami" (Konami Code),  faleceu na noite de ontem, 25 de fevereiro, aos 61 anos. O cheat "cima-cima-baixo-baixo-esquerda-direita-esquerda-direita-B-A-Start" foi usado pela primeira vez em 1986 e ficou famoso em diversos jogos (tanto da Konami quanto de outras desenvolvedoras).

A informação do falecimento veio através de Yuji “TECHNOuchi” Takenouchi, um ex-compositor musical que trabalhou com Hashimoto na Konami. De acordo com Takenouchi, ele nunca foi da mesma equipe do desenvolvedor, mas eram amigos.

Kazuhisa Hashimoto nasceu em 15 de novembro de 1958 e trabalhou na Konami nas décadas de 1980 e 1990. Além criar o Código da Konami, o programador participou de vários títulos importantes na história da desenvolvedora de jogos, como Gradius para NES, Lethal Enforcers para Super Nintendo e Mega Drive, Gradius 3 do Super Nintendo e Winning Eleven 4 para Playstation. A causa da morte permanece desconhecida.


O Código da Konami

O Konami Code - também apelidado de Contra Code - surgiu em 1986 como uma forma de facilitar a vida de Hashimoto e, posteriormente, dos jogadores em geral. Ele foi inserido durante o desenvolvimento do game Gradius para NES, pois o programador achou muito difícil de testá-lo. O código permaneceu dentro do jogo após o lançamento e a Konami decidiu deixá-lo lá, pois removê-lo poderia resultar em novos bugs.

- Continua após a publicidade -

Depois do primeiro Gradius, a empresa continuou colocando o cheat em outros títulos da mesma franquia, assim como em outros de seus jogos. No geral, a combinação "cima-cima-baixo-baixo-esquerda-direita-esquerda-direita-B-A-Start" dá uma série de aprimoramentos ao jogador ou uma quantidade muito maior de vidas extras que o normal. No caso de Contra, um dos jogos pelo qual o código ficou mais conhecido, era possível ganhar 30 vidas.

Com o tempo, o Código da Konami se tornou um marco da cultura pop, sendo introduzido em diversos jogos de outras companhias pelo mundo e também em situações fora do mundo dos games. Em Bravely Default, é possível desbloquear um teaser-movie para Bravely Second mais cedo usando o código.Títulos famosos como FortniteLeague of Legends também contam com ele, e até a Netflix tem um menu secreto que pode ser encontrado através de uma combinação de comandos quase idêntica. No mundo do cinema, a Disney chegou a fazer referência ao Konami Code em Detona Ralph (2012).

Via: Siliconera, IGNBrasil
  • Redator: Saori Almeida

    Saori Almeida

    Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.