Créditos: HTC

Project Proton é o conceito de headset de VR da HTC para smartphones 5G

Para atender à nova proposta, dispositivo é menor e mais leve do que a família Vive

A HTC apresentou o seu novo conceito de óculos de realidade virtual (VR) para smartphones 5G, o Project Proton. Ele chega sendo menor e mais leve do que a família de dispositivos Vive, que possuem mais componentes e uma série de cabos para serem ligados em computadores.

A empresa está exibindo dois conceitos diferentes, deixando bem claro que nenhum deles é final. Apesar disso, eles não revelaram detalhes técnicos dos gadgets e nem chegaram a emitir um comunicado de imprensa oficial sobre eles.

O motivo para a HTC ter apresentado os head-mounted displays (HMDs) agora é que eles estão buscando o feedback da comunidade enquanto continuam a desenvolver o conceito. Os executivos da firma inclusive admitiram que ainda eles não sabem se vão utilizar o estilo "tudo-em-um" de headset de realidade mista como a Microsoft implementou no HoloLens.

Fonte: HTC

Outra opção seria um conceito conhecido como "all-in-two" (tudo-em-dois, em tradução direta), que usa unidades de processamento separadas, como é o caso do Magic Leap One e do Nreal Light. Não importa a opção que for escolhida, o que já está decidido é que o HTC Project Proton utilizará um design similar ao dos XR Viewers da Qualcomm.

Isso significa que eles posicionarão os displays, as câmeras e os alto-falantes dentro de um quadro feito num estilo de óculos de aviador. As câmeras do dispositivo ficam visíveis através do vidro, apesar dele ser reflexivo. O design do produto ainda tem almofadas de tamanho avantajado para bloquear a luz ambiente.

Fonte: HTC

A versão "tudo-em-um" inclui o processador e a bateria na parte traseira, como um contrapeso para os displays, bem ao estilo do Microsoft Hololens 2. Já a versão "all-in-two" traz um cabo na haste do óculos que se conecta com um dispositivo de processamento separado.

Via: Venture Beat, Engadget, Mundo Conectado
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você prefere?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.