Créditos: Doom

Doom no PC ganha correção de resolução dinâmica feita pela comunidade

Ian Babbit corrigiu os problemas e mostrou o game rodando perfeitamente com o recurso

A resolução dinâmica no Doom já foi desbloqueada, juntamente com diversos outros recursos de console, e o esperado era que ele funcionasse. Apesar disso, a função apresentava muitos problemas, que dificultavam o seu uso. Pelo Twitter, Ian Babbit, informou que corrigiu os erros e mostrou o vídeo do DRS funcionando perfeitamente no jogo. Você pode conferir os resultados que ele obteve abaixo:

Ian Babbit é um dos gamers que se incomodava com o suporte não funcionando corretamente. Como a IDSoftware não tinha nenhuma previsão para corrigir o problema, ele mesmo foi atrás de uma solução. Ele falou em seu tweet que os testes foram feitos usando DRS na versão PC de 2016 do game. Ele informou também que o jogo estava rodando em 4K a 60FPS, com a placa de vídeo da Nvidia, GTX 1070.

Dynamic Resolution Scaling, ou resolução dinâmica, é uma técnica de renderização de imagens em tempo real. Ela é usada em diversos games, como por exemplo Halo. O seu principal objetivo é oferecer uma taxa de quadros mais consistente, principalmente em alguns ambientes que são mais difíceis de serem renderizados. Esse sistema apresenta ainda muitas falhas em Doom, e como ele é conhecido por ser um game com um ritmo muito intenso, o bom uso da tecnologia pode melhorar muito a visualização e jogabilidade.

- Continua após a publicidade -

Doom é considerado um dos melhores games FPS feitos recentemente. Como já falado, ele apresenta um ritmo muito acelerado, que é o que mais atrai muitos dos seus jogadores, sendo também, o seu principal diferencial. Ele foi lançado em 2016 para PC, com uma versão para Nintendo Switch sendo apresentada posteriormente.

Doom Eternal, que é a continuação do game, será lançada para PC, PlayStation 4, Xbox One e Stadia no próximo mês. A data correta de lançamento é dia 20 de março de 2020, para todas as plataformas citadas. O game tinha como sua data de lançamento original o dia 22 de novembro de 2019, mas teve que ser adiado para passar por outras correções e ajustes. 

Via: WCCFTech
Tags
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.