Créditos: Steam

Criada por duas pessoas, franquia Farming Simulator é sucesso em vendas e parte para os esports

Liga competitiva do game estará no Intel Extreme Masters

Assim como o agronegócio, a franquia Farming Simulator virou sinônimo de sucesso financeiro, mesmo voando abaixo do radar de muitos jogadores. Criada há 11 anos por dois desenvolvedores, Christian Ammann e Stefan Geiger, a série de simuladores de fazenda já vendeu 25 milhões de cópias mundialmente e possui mais de 90 milhões de downloads em seus aplicativos para Android e iOS.

Os números foram revelados pelo Venture Beat, que conversou com o pessoal da Giants Software, produtora de games da Suíça que é responsável pela franquia. Além de ser referência quando o assunto é criar fazendas realistas em um ambiente virtual, os desenvolvedores acreditam que a franquia continua fazendo sucesso por causa do seu gameplay instigante. 


Imagem: Steam

“Acho que a razão para as pessoas continuarem jogando é o loop de RPG do game: você faz o trabalho, consegue dinheiro e usa para comprar máquinas maiores e mais legais para aumentar sua fazenda”, explica o cofundador e CTO da Giants Software, Stefan Geiger.

O jogo mais recente da franquia de simulação é Farming Simulator 20, produção da Giants que foi publicada pela Focus Home no Android, iOS e também no Nintendo Switch. O produto mais novo da série para console é Farming Simulator 19, que saiu no PS4, Xbox One e PC em novembro de 2018. Para se ter uma ideia do sucesso comercial do título, o game vendeu um milhão de cópias em 10 dias, continua entre os mais jogados da Steam até hoje e mantém uma média de 20 mil usuários simultâneos na plataforma.

Expansão nos esports

Graças ao sucesso e influência de seus games no segmento de simulação de fazendas, a desenvolvedora também começou a trabalhar em um cenário competitivo para a franquia e já está realizando a Farming Simulator League (FSL). A empresa desenvolveu um modo próprio para competições em grupo dentro de Farming Simulator 19 e, no ano passado, ofereceu US$ 280 mil em prêmios na primeira temporada da liga.

Imagem: Giants Software

Os jogadores que mandam bem em Farming Simulator já podem começar a preparar as colheitadeiras, pois os investimentos no cenário de esports vão aumentar em 2020. Neste ano, a desenvolvedora vai continuar levando a Farming Simulator League para locais como feiras de tecnologia agrícola e também grandes eventos de esportes eletrônicos, como o Intel Extreme Masters, que acontece em Katowice, Polônia.

"A ideia era se beneficiar do hype que existe dos esports, obtendo muito valor de marketing e também atraindo pessoas diferentes", explica Stefan Geiger. "Enquanto o lado não competitivo de Farming Simulator é legal, ele não é feito para todos. Algumas pessoas precisam de um desafio."

Farming Simulator 19, a edição mais recente do game para PC e consoles, pode ser adquirida por R$ 69,90 na Steam.

Via: Venture Beat
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Você investiria mais do que o preço padrão por uma edição especial de uma placa de vídeo? Quanto?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.