Créditos: Ubisoft

Após falhas em 2019, Ubisoft pode mudar sua fórmula e fazer jogos "mais únicos"

Empresa recebeu muitas críticas por causa de Ghost Recon: Breakpoint

O ano de 2019 não foi fácil para a Ubisoft e, após vendas fracas de seus principais títulos, a empresa pretende mudar sua estratégia para este ano. Segundo o VCG, a companhia parece ter aprendido com as críticas recebidas por The Division 2 e Ghost Recon Breakpoint e quer lançar jogos "mais únicos" futuramente.

De acordo com o site, a empresa está reestruturando sua equipe editorial para garantir que os lançamentos não pareçam apenas o mesmo jogo com uma estética diferente. O time continuará sendo chefiado pelo CCO Serge Hascoet, que atualmente comanda a divisão, mas terá mais pessoas para auxiliar no direcionamento de cada projeto da Ubisoft.


Far Cry New Dawn é um dos jogos da Ubisoft que recebeu críticas por parecer apenas um DLC, e não um game completo. Confira nossa análise

A equipe editorial não trabalha diretamente no desenvolvimento dos games, mas faz o acompanhamento e auxilia na concepção dos direcionamentos que serão tomados por cada estúdio da empresa francesa. Segundo destaca o VGC, o time em questão foi responsável pelo posicionamento atual dos jogos da companhia, que, salvo raras exceções, são games de mundo aberto com elementos de RPG, funções online e história baseadas em cenários reais, mas que não abordam diretamente política.

A empresa não revelou quais mudanças podem ser feitas em sua fórmula de lançamentos, mas confirmou que está reorganizando a equipe editorial para garantir "melhores experiências" para os jogadores.

- Continua após a publicidade -

"Estamos reforçando nossa equipe editorial para ser mais ágil e acompanhar melhor nossas equipes de desenvolvimento em todo o mundo enquanto elas criam as melhores experiências de jogo para os jogadores"
- Ubisoft, em comunicado ao VGC

"Estamos reforçando nossa equipe editorial para ser mais ágil e acompanhar melhor nossas equipes de desenvolvimento em todo o mundo enquanto elas criam as melhores experiências de jogo para os jogadores"
- Ubisoft, em comunicado ao VGC

Análise de Ghost Recon Breakpoint

Apesar da fórmula da Ubisoft já mostrar desgastes há certo tempo, o ponto de virada para a companhia foi o lançamento de Ghost Recon: Breakpoint. O game era uma das principais apostas da empresa para o ano, mas sofreu com uma enxurrada de críticas -- confira nossa análise do game. Para piorar a situação, The Division 2, que teve uma recepção positiva, acabou não batendo as metas de vendas estipuladas pela empresa.

Ainda no ano passado, a Ubisoft adiou praticamente todos os seus principais lançamentos de 2020, incluindo Watch Dogs Legion. O objetivo da companhia é dar mais tempo para os estúdios trabalharem nos games, visando aprimorar a qualidade dos produtos.

Após tantas críticas, adiamentos e reformulações, será que a gigante francesa dos games vai conseguir se reinventar durante o ano? Deixe sua opinião nos comentários!

Via: VGC
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.