Créditos: img.wallpapersafari.com

AMD está ganhando espaço da Intel no mercado de CPUs para PC Gamer, aponta pesquisa

41% dos entrevistados disseram que utilizam CPU da AMD em seus atuais equipamentos

Uma pesquisa realizada pela Jon Peddie Research, em parceria com a Antikythera Intelligence and Research (AI) e o site de tecnologia Wccftech, coletou 4.477 respostas de 26 perguntas, dos visitantes do site de tecnologia. A pesquisa foi realizada no mês de outubro de 2019. Desta pesquisa foi produzido um relatório de 55 páginas, destinado principalmente para OEMs, lojas e fornecedores de hardware. O relatório completo custa US$ 9.000, mas a Wccftech divulgou alguns resultados.

Provavelmente a informação que mais se destacou foi o aumento de jogadores que estão utilizando em seus computadores as CPUs da AMD. O relatório aponta que 41% dos entrevistados utilizam algum modelo de CPU da AMD em seus desktops. Esta informação demonstra uma queda do interesse dos entrevistados pelos processadores da Intel, que ainda é o mais utilizado.

Apesar da amostragem do relatório ser relativamente pequena, as pessoas que participaram da pesquisa provavelmente são entusiastas, gamers ou especialistas em hardware, pelo site Wccftech ser bastante tecnológico. Isto pode ser um sinal de alerta para a Intel, pois se a AMD está na configuração de potenciais formadores de opinião e influenciadores digitais, este número pode aumentar consideravelmente.

Outra pesquisa realizada pela Valve, através da plataforma Steam, nos mostram resultados mais modestos sobre o uso de CPU da AMD. Realizado também em outubro de 2019, a pesquisa sugere que 19,39% dos usuários da plataforma utilizam algum modelo de CPU da AMD. Nestas circunstâncias a amostragem é maior do que a amostragem da pesquisa da Jon Peddie Research. Mesmo assim, há novamente um aumento de mercado da AMD nestes dados.

- Continua após a publicidade -

Outras informações levantadas pela pesquisa foi a respeito das placas de vídeo que os jogadores possuem, se eles tem planos de adquirir a próxima geração de placas da NVIDIA, valores que pagariam por uma placa topo de linha, além de questionamentos sobre o uso de VRs e HMDs. A maior parte dos entrevistados são dos EUA, seguido pelo Reino Unido. Outras informações a respeito do relatório você confere no site da Jon Peddie Research.

Fonte: techradar, wccftech
Tags
  • Redator: Jean Oliveira

    Jean Oliveira

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.