Créditos: CD Projekt RED/Divulgação

The Witcher 3 atinge a marca de 94 mil jogadores simultâneos na Steam, novo recorde da franquia

Marca alcançada no último dia 29 de dezembro reflete o grande sucesso da série The Witcher na Netflix
Por Pedro Henrique 30/12/2019 14:09 | atualizado 03/01/2020 18:21 Comentários Reportar erro

A série da Netflix The Witcher, baseada na franquia de livros de Andrzej Sapkowski, foi um dos grandes lançamentos desse mês de dezembro no serviço de streaming, e seu estrondoso sucesso vem se refletindo de forma proporcional nos games da CD Projekt RED.

Após The Witcher 3: Wild Hunt atingir a marca de 60 mil jogadores simultâneos na Steam durante o Natal, o game agora alcançou o incrível número de 94.601 pessoas jogando de forma simultânea, números esses verificados na plataforma SteamDB, que reúne dados disponíveis na loja da Valve.

O número, atingido durante o último dia 29 de dezembro, chama a atenção pelo fato de que mesmo após 4 anos desde seu lançamento (que aconteceu em maio de 2015), se tornou o mais novo recorde de jogadores simultâneos do game desde sua chegada no mercado. O recorde foi comemorada pelo Marcin Momot, gerente de comunidade da CD Projekt RED.

- Continua após a publicidade -

Com esse grande sucesso, somado com a recente renovação da parceria com Andrzej Sapkowski, devem motivar ainda mais a desenvolvedora polonesa a já estar planejando uma quarta versão do game para um futuro próximo.

Enquanto isso não acontece, The Witcher 3: Wild Hunt atualmente conta com versões para Xbox One (também via Xbox Game Pass), Playstation 4, Nintendo Switch e PC.

Dica do redator: O game atualmente está em promoção na Steam, tendo sua edição Game of The Year (que incluí as duas expansões, Blood and Wine e Hearts of Stone) sendo vendida por apenas R$ 29,99 (70% de desconto).

Fonte: Jovem Nerd, The Enemy
Tags
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.