Créditos: extrememods

Taxa de defeito de fabricação dos chips da TSMC chega a apenas 9%

Estimativas são que 93% dos chips Ryzen chegam perfeitos para a AMD

A TSMC, fabricante dos últimos chips Ryzen da AMD, divulgou o dado de que a sua taxa de defeito em 7nm está em apenas 0,09 dos chips impressos. Um usuário do Reddit  partiu desse dado para calcular qual seria a porcentagem de sucesso de um chip, arredondando para 0,1 e divulgou o resultado na plataforma. Segundo ele, o wafer total conta com 93% de chips perfeitos, ou seja, com núcleos, memórias cache e todas as estruturas totalmente funcionais.. Isso indica que o processo de 7nm está evoluindo, se tornando cada vez mais eficiente.

Para demonstrar como a estimativa foi feita e como ficaria um wafer com esse índice de falhas, o usuário @chiakokhua fez um gráfico representando os valores. Você pode conferi-lo na imagem abaixo:

O círculo total representa o wafer, as partes em verde representam todos os chips que seguiram o processo de fabricação sem nenhuma falha. Os com cores são os que possuem algum tipo de falha.

- Continua após a publicidade -

Na publicação acima está o gráfico oficial apresentado pela TSMC. É possível reparar como a taxa de defeito vem caindo muito, em um curto período, no processo de 7nm (representado pela linha vermelha). Isso viabiliza redução de custos na produção, e também mais chips viáveis para serem usados nos produtos high-end, aqueles que costumam ter mais estruturas habilitadas pela fabricante.

O processo de fabricação dos chips Ryzen de 7nm, independente do modelo, é feito com a mesma base. Todos os chips são colocados em uma grande forma, essa etapa é chamada de wafer. Eles são iguais, com o mesmo número de núcleos, quantidade de memória e recursos quando são impressos, o que os difere posteriormente é quais dessas especificações serão usadas ou desabilitadas. Para entender melhor sobre esse procedimento, temos um vídeo te explicando todo o processo:

O fato da TSMC ter uma taxa de aproveitamento acima dos 90% indica que a maioria dos chips Ryzen fabricados são perfeitos. O processo de desabilitar alguma função para torná-los diferentes é feito de forma proposital pela AMD, dependendo da demanda de mercado que está sendo enviada pela empresa. Isso não está sendo feito porque o chip apresentou alguma falha no processo de fabricação, mas sim pela necessidade de mercado dos consumidores, buscando atender diferentes segmentos de mercado. O processo é usado em toda a indústria, com marcas como Intel, Nvidia, Qualcomm e outras seguindo procedimentos semelhantes para segmentar seus produtos para diferentes necessidades e faixas de preço.

Via: WikiChip Fonte: Reddit
Tags
  • Redator: Ana Luiza Pedroso

    Ana Luiza Pedroso

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.