Créditos: Square Enix

Final Fantasy VII Remake é exclusivo para PlayStation 4 até 3 de março de 2021

Informação foi confirmada em uma versão atualizada da capa do jogo
Por Fabio Rosolen 10/12/2019 11:58 | atualizado 10/12/2019 11:58 Comentários Reportar erro

Quando Final Fantasy VII Remake foi anunciado em 2015, a Square Enix já havia confirmado que ele seria um exclusivo temporário ao incluir a frase “Jogue primeiro no PS4” no trailer de anúncio do jogo.

Na época a empresa não informou até quando seria esta exclusividade temporária e nem para quais outras plataformas o jogo seria lançado depois do lançamento para o console da Sony.

Agora uma versão atualizada da capa oficial do jogo responde a pelo menos uma das perguntas: o jogo será exclusivo para o PlayStation 4 até 3 de março de 2021. Espera-se que o jogo seja lançado futuramente para PC e para o console da Microsoft, mas isso ainda não foi confirmado.

Final Fantasy VII Remake foi anunciado originalmente durante a conferência da Sony na E3 2015 após anos de rumores e especulações. O jogo foi demonstrado meses depois durante o evento PlayStation Experience.

O jogo terá um sistema de combate mais focado na ação, embora o modo Classic tente oferecer uma experiência mais próxima do Final Fantasy VII original.

O sistema de summons também será diferente em relação ao original. Os summons, como Ifrit e Shiva, só podem ser usados contra chefes ou contra certos inimigos mais poderosos no Remake. No jogo original eles podiam ser usados em qualquer tipo de batalha.

De acordo com o produtor Yoshinori Kitase, o novo sistema de summons para o FF7 Remake funciona da seguinte forma: ao invés de realizarem um único ataque como no jogo original de 1997, os summons no Remake permanecerão no campo de batalha por um tempo enquanto realizam uma série de ações. Isso complementa muito bem o novo sistema de combate baseado em ação em tempo real, mas esse poder só pode ser usado durante lutas contra chefes ou contra inimigos mais poderosos.

Kitase também confirmou durante uma entrevista que os summons não podem ser invocados manualmente pelo jogador. Você terá que equipar a Materia relacionada ao summon e ela ressoará durante a batalha contra um chefe ou contra um inimigo mais poderoso quando certas condições forem atendidas, fazendo com que ele seja invocado automaticamente.

Apesar de já ter iniciado o desenvolvimento da Parte 2, a Square Enix ainda não confirmou em quantas partes o jogo Final Fantasy VII Remake será lançado. A primeira será lançada para PlayStation 4 no dia 3 de março de 2020.

Fonte: Eurogamer
  • Redator: Fabio Rosolen

    Fabio Rosolen

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.