Intel Core i9-10900K com 10 núcleos pode ser lançado em abril de 2020 [Rumor]

Chipset Z490 deve ser lançado junto com ele.
Por Fabio Rosolen 10/12/2019 11:35 | atualizado 10/12/2019 11:35 Comentários Reportar erro

A Intel deve finalmente atualizar sua plataforma desktop mainstream com a introdução dos processadores "Comet Lake-S" de 14nm no segundo trimestre de 2020. A empresa deve introduzir o novo soquete LGA1200 e a linha de chipsets Intel 400-Series, que será liderada pelo Z490 Express.

Mapas de plataforma desses chipsets baseados em PCI-Express 3.0 fazem com que eles pareçam muito semelhantes à plataforma atual, Intel 300-Series, com algumas alterações.

Para começar, a Intel introduzirá sua maior mudança de ACPI desde a introdução dos estados de energia C6/C7 com a plataforma com "Haswell" com os novos estados de energia C10 e S0ix Modern Standby, que dão o seu PC uma disponibilidade similar à oferecida pelo iPad sem consumir muita energia.

Essa ideia é um pouco diferente do Smart Connect, com seus aplicativos conectados à web e processador funcionando em um estado extremamente baixo de energia ao invés de acordar sua máquina de tempos em tempos para os aplicativos se atualizarem.

As placas-mãe baseadas nos chipsets Intel 400-Series também trarão interfaces de rede atualizadas, como o suporte para 2.5 GbE LAN (Intel i225-series PHY) e suporte para Wi-Fi 6 (802.11ax).

- Continua após a publicidade -

A tecnologia HyperThreading desempenhará um grande papel para tornar a linha de processadores da Intel competitiva com a AMD. Os chips Core i3 terão 4 núcleos/8 threads, os chips Core i5 terão 6 núcleos/12 threads, os chips Core i7 terão 8 núcleos/16 threads e o modelo topo de linha - Core i9-10900K – terá 10 núcleos/20 threads.

De acordo com os rumores, o processador Intel Core i9-10900K chegará ao mercado em abril de 2020. É provável que as primeiras placas-mãe com o soquete LGA1200, incluindo algumas com o chipset Z490, sejam apresentadas durante a CES em janeiro.

A plataforma também menciona uma especificação interessante: "aprimoramento no overclock de núcleo e memória". Este pode ser o ingrediente que tornará o i9-10900K um competidor direto do Ryzen 9 3900X. A plataforma LGA1200 também pode ser compatível com a "Rocket Lake", que implementará núcleos de CPU "Willow Cove".
 

Fonte: TechPowerUp
Tags
  • Redator: Fabio Rosolen

    Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.