Créditos: Tom's Hardware

Core i9-9900KS chega a 6.9GHz em todos os núcleos com pico de 7.3GHz e atinge novo recorde

CPU da Intel com silício de alta qualidade bateu 6.95GHz em seus 8 núcleos
Por Daniel Trefilio Carvalho 09/12/2019 11:36 | atualizado 17/12/2019 16:00 Comentários Reportar erro

O novo Intel Core i9-9900KS recebe essa nomenclatura S, não apenas por campanha de marketing da Intel, mas justamente por se tratar de uma edição limitada dos processadores da empresa que utiliza silício de altíssima qualidade, fator que o diferencia da linha 9900K. A promessa da empresa para essa linha especial é de que sejam garantidas frequências estáveis de 5GHz em todos os oito núcleos para qualquer chip da linha 9900KS sem qualquer processo de modificação. O  site Tom’s Hardware, entretanto, recebeu um modelo selecionado especialmente pela Intel para testes de overclock, e através de um processo, detalhado neste artigo, que envolve algumas modificações para garantir um overclock com temperaturas estáveis, foi possível alcançar a incrível marca de 6,95GHz em todos os oito núcleos e picos de 7.3GHz em uma das threads. Segundo a própria Intel “[ela] já havia testado aquela unidade com overclock. Embora a Intel não garanta frequências de overclock, [a empresa] espera que os resultados dos testes daquela unidade específica sejam superiores as da média das peças disponíveis [do i9-9900KS]”.

 

 

- Continua após a publicidade -

Temperatura é um dos elementos essenciais em processos de overclock, especialmente em casos mais extremos como este, e evidentemente a transferência de calor entre o dissipador integrado (IHS, Integrated Heat Spreader) é crucial nesse aspecto. Levando isso em conta, e para não violar a garantia não é possível fazer o famoso de-lid e remover o IHS. Contudo, o é possível fazer um polimento extremo do IHS  e do contado do cooler para garantir que a pasta térmica preencha o máximo de espaço entre esses componentes da maneira mais fina e uniforme possível, resultando em melhoras no processo de resfriamento e, por consequência, no overclock em si.

É possível acompanhar o passo-a-passo na publicação do site Tom's Hardware, bem como as considerações do usuário sobre os percalços do processo em cada etapa.

Via: Tom's HARDWARE
Tags
  • Redator: Daniel Trefilio Carvalho

    Daniel Trefilio Carvalho

    Formado em Letras pela Universidade Estadual de Campinas, professor, tradutor e revisor. Nas horas vagas, instalando impressora e formatando PCs desde os tempos que Alone In The Dark era um jogo bom e ocupava 4 disketes.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.