Um terço dos donos de iPads nunca baixou aplicativos [+update]

Um iPad pode servir para muitas coisas. Desde as mais bÁsicas, como acessar a Internet, ler e-mails e ouvir músicas, até pintar um quadro, gravar um cover de uma música conhecida tocando instrumentos virtuais ou desenvolver uma pirâmide que exibe imagens em três dimensões.

Muita gente, porém, parece não se importar com nada disso. Aproximadamente um terço dos usuÁrios do tablet nunca baixou nenhum aplicativo.



A conclusão é da consultoria Nielsen, que entrevistou mais de cinco mil pessoas que possuem dispositivos portÁteis como tablets, smartphones e e-readers, para descobrir os seus hÁbitos. Embora a maioria (63%) dos adeptos do tablet da Apple jÁ tenha feito, pelo menos, um download de aplicação paga, uma parcela de 32% parece se contentar com o bÁsico que o aparelho oferece. Aqueles que optam por baixar somente aplicativos gratuitos representam a menor parte, somando apenas 5%.

Os games são o maior atrativo para quem paga pelos aplicativos, concentrando 62% dos downloads. Em seguida, vêm os livros, com 54%, e as músicas, com 50%. 




UPDATE: Achou os números esquisitos? Muita gente também. E a própria Nielsen, que avaliou novamente os resultados e atualizou as estatísticas em seu site oficial. Agora, a consultoria traz um resultado completamente diferente, afirmando que 91% dos usuÁrios de iPads jÁ baixou aplicativos, contra apenas 9% que nunca procurou incrementar seu gadget com outras funcionalidades. A diferença gritante aparece no novo grÁfico:

- Continua após a publicidade -


Fica a dúvida de como uma empresa especializada nesse tipo de anÁlise conseguiu deixar passar um erro de aproximadamente 350%, conforme o The Register. A equipe do site entrou em contato com a Nielsen, mas não recebeu nenhuma resposta sobre o ocorrido.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.