Créditos: Bethesda/Human Head Studios

Bethesda compra a Human Head Studios, desenvolvedora dos jogos Prey e The Quiet Man

Human Head Studios agora é Roundhouse Studios
Por Fabio Rosolen 13/11/2019 13:57 | atualizado 13/11/2019 13:57 Comentários Reportar erro

A Human Head Studios, desenvolvedora dos jogos Prey (2006), Rune e The Quiet Man, foi comprada pela Bethesda e agora passará a se chamar Roundhouse Studios. Em seu anúncio, a empresa confirmou que o novo estúdio “começará a trabalhar imediatamente em novos projetos”.

Com a formação do Roundhouse Studios, a Bethesda ofereceu a cada funcionário da Human Head uma posição na nova empresa. Os funcionários ficaram aliviados em saber que sua equipe permanecerá unida e trabalhando no que gostam.

A Bethesda e a Human Head Studios já haviam trabalhados juntas no Prey 2, sequência cancelada do jogo de tiro em primeira pessoa lançado originalmente em 2006. A Arkane Studios, que é de propriedade da ZeniMax Media, desenvolveu uma nova versão do jogo que foi lançada em 2017 com o nome Prey.

A Human Head Studios foi fundada em 1997, também desenvolveu jogos como Dead Man’s Hand, Rune 2, Lost Within, e apoiou o desenvolvimento de jogos de terceiros como Batman: Arkham Origins, Brink e BioShock Infinite.

Esta não foi a única aquisição feita pela Bethesda em 2019. Em outubro deste ano a empresa comprou a Alpha Dog, especializada no desenvolvimento de jogos para dispositivos móveis. Entre os títulos desenvolvidos por ela estão o jogo de estratégia MonstroCity: Rampage e o RPG de ação Wraithborne – ambos para Android e iOS. A aquisição fez sentido, já que que a Bethesda vem aumentando sua produção de jogos para dispositivos móveis. Nos últimos anos, ela lançou títulos como Fallout Shelter e The Elder Scrolls: Blades.

Fonte: Polygon
Tags
  • Redator: Fabio Rosolen

    Fabio Rosolen

Pra você, quem merece o GOTY?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.