Créditos: Business Wire | sport.es

Intel apresenta detalhes da sua nova microarquitetura "Tremont"

A empresa afirma que ela trará ganhos de IPC bastante significativos
Por Saori Almeida 24/10/2019 17:30 | atualizado 24/10/2019 17:38 Comentários Reportar erro

A Intel anunciou durante a Linley Fall Processor Conference alguns bons detalhes oficiais sobre a microarquitetura "Tremont".Segundo a empresa, a sua mais nova e  mais avançada arquitetura de CPU x86 de baixo consumo oferece um ganho de IPC (instruções por ciclo) comparado a geração anterior bastante significativo.

A sucessora da arquitetura Goldmont Plus traz vários avanços no ISA (instruction set architecture), recursos de segurança e no gerenciamento de energia. Ela foi fabricada no processo de 10nm e projetada para aumentar o poder de processamento em pacotes compactos e de baixo consumo de energia. Usa a tecnologia de empacotamento 3D "Foveros" da Intel e está integrada a um conjunto mais amplo de IPs de silício Lakefield

"Nós focamos em uma variedade de cargas de trabalho modernas e complexas, considerando a rede, o cliente, o navegador e a bateria para aumentar o desempenho de maneira eficiente." - Stephen Robinson, Arquiteto-chefe da Intel Tremont.

A Tremont apresenta um preditor de ramificação Intel Core-Class, com um decodificador em clusters duplos (2x3 unidades de decodificação x86) no front-end que consegue realizar instruções fora de ordem e permite uma alimentação de instruções mais eficiente para o back-end mais amplo - o que é fundamental para o desempenho. Além dele, há 10 portas de execução no back-end e pipelines de carga e armazenamento duplos.

- Continua após a publicidade -

Os desenvolvedores projetaram a nova microarquitetura com até quatro núcleos e até 4,5MB de cache L2 em mente, mas a configuração real do cache vai depender do design específico do produto. Há também suporte de cache de último nível integrado, o que é uma novidade para os projetos de baixo consumo da Intel.

Até então, a arquitetura Goldmont Plus é utilizada nos processadores Atom, Pentium Silver e em alguns outros da série Celeron. De acordo com a Intel, a Tremont estará presente em dispositivos inovadores como o Surface Neo da Microsoft

Você pode conferir mais informações da apresentação da microarquitetura Tremont aqui.

- Continua após a publicidade -

  • Redator: Saori Almeida

    Saori Almeida

    Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

Pra você, quem merece o GOTY?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.