Processadores AMD Ryzen da primeira geração não são compatíveis com chipset X570

A AMD enfim realizou o lançamento oficial da terceira geração de seus processadores Ryzen para desktop, na arquitetura Zen 2. Como prometido antes, as novas CPUs são compatíveis com chipsets anteriores, do B350 em diante, exigindo apenas um update do BIOS em alguns casos. Mas, quem quiser levar o seu atual Ryzen de primeira geração "Summit Ridge" ou uma APU Ryzen "Raven Ridge" para o novo chipset X570 não vai ter como, porque esses componentes não são compatíveis. É como fica claro na tabela abaixo:

A empresa aproveitou o lançamento dos Ryzen 3000 para publicar um post em seu site oficial para esclarecer melhor como vai funcionar a longevidade do socket AM4 e a compatibilidade dos produtos. A tabela acima é basicamente o resumo desse post. Nela podemos ver que o chipset A320 não vai suportar os novos Ryzen, enquanto o B350 e o X370 precisam de um update de BIOS para isso, que vai depender de suas fabricantes para ser disponibilizado. A série 400 é a que mostra melhor compatibilidade, suportando todos os Ryzen atuais, incluindo os 3000, sem precisar de update. Já o novo chipset X570, como mencionado, não suporta as primeiras CPUs, mas é compatível com a segunda geração de CPUs e APUs Ryzen.

Além da divulgação da tabela, a AMD também mostrou o novo "selo" para garantir que a placa que você está comprando é compatível com a nova série de processadores. Futuras placas-mãe com chipsets B450, X470 ou X570 virão com "AMD Ryzen Desktop 3000 Ready" estampado, como mostrado na imagem abaixo:

Essa compatibilidade, é claro, é pra instalar e funcionar na hora ("drop-in"), sem a necessidade de updates de BIOS e outras configurações mais técnicas antes de começar a usar.

- Continua após a publicidade -

Veja nossa cobertura completa da Computex 2019

A Computex é uma das principais feiras de eletrônicos do mundo, e acontece em Taiwan do dia 28 de maio a 1º de junho. Vocês podem conferir nossa cobertura completa através desse link aqui.

Via: TechPowerUp Fonte: AMD
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.