Capcom revela que tem "vários" títulos em desenvolvimento com a RE Engine

A Capcom conseguiu emplacar um sucesso como não fazia há muito tempo com seus lançamentos mais recentes. Além das boas análises a respeito da qualidade de seus games novos, a desenvolvedora tem recebido também muitos elogios em relação à parte técnica, graças à excelente RE Engine. A empresa obviamente está ciente disso e já avisou aos seus investidores que conta com "vários" títulos em desenvolvimento neste momento, usando a tecnologia:

Análise de Resident Evil 2 Remake
Análise de Devil May Cry 5

"Enquanto não podemos sobre o número específico de títulos ou as janelas de lançamento, há vários títulos atualmente sendo desenvolvidos internamente com a RE Engine.

"Enquanto não podemos sobre o número específico de títulos ou as janelas de lançamento, há vários títulos atualmente sendo desenvolvidos internamente com a RE Engine.

Os jogos que desenvolvemos usando a RE Engine durante essa geração de hardware foram aclamados pela crítica, e dos estágios iniciais de criação dessa engine nós mantivemos a habilidade de melhorá-la para o desenvolvimento da próxima geração em mente: assim, nós vemos a RE Engine como uma de nossas forças que vão contribuir para a criação de games da próxima geração."

Os jogos que desenvolvemos usando a RE Engine durante essa geração de hardware foram aclamados pela crítica, e dos estágios iniciais de criação dessa engine nós mantivemos a habilidade de melhorá-la para o desenvolvimento da próxima geração em mente: assim, nós vemos a RE Engine como uma de nossas forças que vão contribuir para a criação de games da próxima geração."

Mas, ainda assim, a Capcom parece não querer atropelar seus lançamentos e criar seus próximos títulos com cuidado, provavelmente para continuar surfando na onda da boa imagem que ela conseguiu conquistar com seus últimos games. O único grande jogo que a produtora tem planejado para o próximo ano fiscal é a expansão Iceborne, para Monster Hunter World (que não usa a RE Engine, mas sim a MT Framework). Ainda na mesma declaração aos investidores, a Capcom explicou porque não vai lançar mais grandes games além desse no próximo ano:

- Continua após a publicidade -

"É uma realidade que os ciclos de desenvolvimentos estão ficando mais longos para jogos desenvolvidos para um padrão de liderança mundial. Assim, é possível que exista apenas um lançamento de um novo título num dado ano fiscal, devido à composição de nossa linha de títulos. Entretanto, a lucratividade de conteúdos digitais está aumentando, com vendas digitais espalhadas carregando ciclos de vendas de games mais longos, bem como oportunidades de renda multifacetada, que incluis vendas do catálogo."

"É uma realidade que os ciclos de desenvolvimentos estão ficando mais longos para jogos desenvolvidos para um padrão de liderança mundial. Assim, é possível que exista apenas um lançamento de um novo título num dado ano fiscal, devido à composição de nossa linha de títulos. Entretanto, a lucratividade de conteúdos digitais está aumentando, com vendas digitais espalhadas carregando ciclos de vendas de games mais longos, bem como oportunidades de renda multifacetada, que incluis vendas do catálogo."

Fonte: WCCFTech
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.