Processadores AMD Ryzen 3000 seriam capazes de suportar RAM DDR4 a 5000MHz

Os processadores AMD Ryzen de 3ª geração (da série 3000) deverão trazer uma forte capacidade de overclock de memórias RAM, suportando rodar módulos de DRAM DDR4 rodando a até 5000MHz de frequência. De acordo com o site TechPowerUp, o motivo para isso é que a AMD decidiu separar o controlador de memória dos núcleos físicos da CPU, colocando-o num chip separado – chamado de "IO die".

Site oficial: Processadores AMD Ryzen

Com essa e outras novidades, os produtos baseados na arquitetura Zen 2 conseguirão se equiparar com os modelos concorrentes da Intel em termos de overclocking de memórias. Segundo a publicação, as opções de frequência de DRAM nas BIOS de placas-mãe para Ryzen 3000 incluem até a opção DDR4-5000.

Análise: Processador AMD Ryzen 7 2700X

O clock da memória RAM do sistema ainda estaria ligado ao clock da tecnologia Infinity Fabric (IF) da AMD. Isso significaria que, se o PC está com sua DRAM rodando a 5000MHz, a IF também estaria sendo atualizada na taxa de 5000MHz DDR, Como o recurso da empresa ainda não suporta tamanha faixa de desempenho, a AMD teria implementado um modo de divisor que faz a Infinity Fabric rodar numa frequência quatro vezes menor que a da memória. Ou seja, se a DRAM está a 5000MHz, a IF estaria a 1250MHz.

- Continua após a publicidade -

Análise: Placa-mãe ASUS TUF X470-PLUS GAMING

Ainda conforme o TechPowerUp, a nova informação pode ser transformar num bom ponto de venda para as novas placas-mãe baseadas no chipset AMD X570. Afinal, elas deverão trazer essa nova opção para aumentar os clocks das memórias DDR4 até 5000MHz, enquanto outros modelos com socket AM4 que terão suas BIOS atualizadas ficarão limitados às velocidades antigas.

Claro, isso também não quer dizer que é possível colocar qualquer kit de memória RAM em seu sistema e magicamente rodá-lo a velocidades de 5GHz. Essa velocidade só deverá ser alcançável nos melhores módulos, especialmente aqueles que tenham um gerenciamento de energia mais avançado e algum sistema de resfriamento.

Via: TechPowerUp
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.