Smartphone-conceito vira PC virtual à base de projetores

Dos laboratórios da Mozilla, saiu uma ideia revolucionÁria de smartphone: o Seabird, pensado para facilitar as interações do usuÁrio com o aparelho.

Criado por Billy May, membro da comunidade Mozilla, a iniciativa faz parte de um programa de desenvolvimento e divulgação de conceitos de projetos tecnológicos, mantido pela companhia.



O aparelho chama a atenção pelo design, ausência de botões físicos e versatilidade, com um dongle Bluetooth embutido que funciona como "controle remoto" e ainda pode ser utilizado como fone de ouvido sem fio.

Além disso, o Seabird pode transformar-se em um computador portÁtil através de um sistema de dois projetores nas laterais. Conectado a um dock, o celular projeta uma imagem grande da tela e também um teclado virtual que interage aos comandos do usuÁrio. Quando estÁ simplesmente posicionado sobre uma superfície, os projetores criam teclas que se distribuem pelas laterais do aparelho e uma Área frontal funciona como touchpad via infravermelho.



O vídeo abaixo mostra algumas características do smartphone, que não passa de um projeto e não reflete planos da Mozilla de se aventurar por esse segmento. A experiência pode, porém, ficar mais realista com o vídeo em 3D, também disponibilizado pelo criador do conceito.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.