Placas Turing venderam 45% a mais no seu lançamento do que a série antecessora, diz NVIDIA

Já faz cerca de 7 meses desde o anúncio da nova geração de placas de vídeo da Nvidia, com a chegada da microarquitetura Turing. Desde então, já foram lançadas sete placas se utilizando das novidades da microarquitetura, desde a Titan RTX até a volta das GTXs, com a GTX 1660 Ti e GTX 1660.

Mesmo com os recentes relatórios dizendo sobre uma queda na distribuição de placas de vídeo, parece que as coisas para o lado verde da força não estão ruins. Em uma palestra realizada apenas para investidores, a Nvidia afirmou que as placas Turing venderam cerca de 45% a mais nas oito primeiras semanas após seu lançamento comparando o mesmo período na antiga série Pascal em 2016.

Apesar deste aumento nas vendas no lançamento, apenas 2% dos usuários com placas Nvidia atualmente possuem uma Turing, sendo que ainda 50% dos consumidores tem uma placa Pascal e outros 48% de outras gerações passadas. Outro fato interessante levantado pela Nvidia diz que 90% dos usuários atualmente possuem uma placa inferior a uma GTX 1660 Ti.

Análise - ASUS GeForce GTX 1660 Ti Strix OC

- Continua após a publicidade -

Com esse grande número de pessoas que ainda possuem placas da série Maxwell ou inferior, a NVIDIA tenta conquistar eles oferecendo as placas da série GTX 16xx, que chegam com as vantagens da microarquitetura Turing, porém, sem os RT Cores e Tensor Cores, tornando elas uma opção para quem busca um upgrade sem gastar muito.

Via: TweakTown
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.