Maxon "pede" para que sites retirem do ar links do CineBench R20

Semana passada a Maxon lançou a nova versão do seu software de benchmark, o Cinebench R20. Diferente do padrão, ela não hospedou o instalador dessa versão em seu site, sendo ele distribuído exclusivamente pela Microsoft Store (para o Windows) e pela Apple App Store (Para o MacOS). Por causa disso alguns sites, como o Guru3D e o TechPowerUP, decidiram fazer uma versão portátil deste programa, uma vez que este software é um freeware e uma versão assim seria mais cômoda para entusiastas, bastava instalar e depois compactar a pasta de instalação, mas a Maxon não gostou muito.

O Guru3D recebeu ameaças de processo caso não retirasse do ar seus links para download, enquanto que o TechPowerUP recebeu um e-mail mais "educado", pedindo que eles retirassem do ar ou veriam os "próximos passos legais" serem tomados. Diante de pedidos tão carinhosos, tanto o Guru3D o TechPowerUP retiraram do ar seus links para download.

Como bem disse Hilbert Hagedoorn, fundador do Guru3D, "Embora sintamos fortemente que esta é uma ferramenta da comunidade que pertence ao domínio público, obviamente precisamos respeitar totalmente o que o editor julgar apropriado para eles". O curioso disso tudo é que, no site oficial, a Maxon diz que o Cinebench R20 funciona no Windows 7, mas com essa forma exclusiva de distribuição, como os donos de tal Windows poderão baixar o programa? E quem tem Windows 8 poderá baixar mas não usar, já que na loja da Microsoft é dito que o Windows 10 é o requerimento mínimo para se rodá-lo. Quanta confusão desnecessária...

Iremos começar a atualizar nossos testes de processador com essa versão, em breve adicionaremos também em nossa bateria.

Fonte: TechPowerUP, Guru3D
  • Redator: Carlos Dayllann

    Carlos Dayllann

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.