Resident Evil pode ganhar série na Netflix, segundo rumor

Resident Evil pode ganhar uma nova série como produção original da Netflix. É isso que indicam rumores vindos do site especializado em vazamentos hollywoodianos, o Deadline. Aparentemente, a série vai se aproximar das adaptações para o cinema, já que a equipe de produção é a alemã Constantin Film, responsável pelos filmes com a Milla Jovovich.

Análise de Resident Evil 2 Remake

Segundo informações do site, que ainda não são muitas, a série vai se focar mais na corporação Umbrella, com suas tramas sinistras que resultaram na epidemia do vírus-T e, por consequência, uma mudança no mundo todo que deixou as coisas quase pós-apocalípticas em filmes mais recentes. O rumor afirma que a série vai manter os "elementos-chave" da franquia Resident Evil, como as sequências de ação, incorporando também alguns easter eggs.

Independentemente de opiniões a respeito dos filmes, a franquia é a mais lucrativa série de filmes baseada em vídeo games já feita, acumulando mais de US$ 1,2 bilhão ao redor do mundo até hoje. É bem possível, então, que a série se aproxime mais dos filmes, o que deve afastá-la um tanto dos games.

No momento não temos informações oficiais ainda, mas essa não seria a primeira vez que a Netflix investe em séries de vídeo games, como bem sabemos pela bem sucedida animação Castlevania e a série The Witcher, que está atualmente em produção se baseando nos livros, mas que certamente não ignorou o sucesso dos games para ter sua aprovação.

Fonte: DeadLine
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Em jogos single-player como Resident Evil Village, você prefere:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.