Taxa de quadros influencia diretamente a física em Fallout 76

Uma das mecânicas que já se tornou comum nos jogos da Bethesda é a da relação entre taxa de quadros e a velocidade de movimentação dos jogador e física dos objetos. Quanto maior o frame rate registrado, maior será sua rapidez nas ações do jogo. 

Em títulos como Skyrim era possível acelerar sua  física mudando linhas de código do arquivo .ini e aumentar a taxa de quadros para deixá-lo mais rápido. Num game single player não há problemas nisso, mas em um multiplayer como o novo Falllout 76 essas configurações podem atrapalhar a experiência dos jogadores. 

Em teoria, em Fallout 76 essa configuração deveria ser bloqueada na versão PC para que não afete o desempenho de alguns jogadores, acontece que fazendo alterações da mesma forma que nos outros jogos da desenvolvedora, é possível quebrar o padrão da taxa de quadros e acelerar o jogo. 

Até o momento, a Bethesda não se pronunciou com nenhum tipo de correção, afirmado que problemas encontrados na Beta serão corrigidos apenas com o lançamento do jogo.

Antes do inicio da Beta no Xbox One a desenvolvedora já havia publicado um pedido de desculpas informando que os jogadores poderiam encontrar “inúmeros problemas inéditos”, confira a notícia.

- Continua após a publicidade -

 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Kotaku
Tags
  • Redator: Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro virou jornalista pelo amor aos games e o desejo de escrever seus próprios roteiros para jogos com nota máxima no Metacritic. Apesar de ter atuado como designer e desenvolvedor de jogos durante dois anos, a paixão pela redação o trouxe para "os bastidores", onde está adquirindo experiência e aprendizado nos mais diversos segmentos da tecnologia. E é dessa forma que pretende se tornar especialista na área e descobrir o que fazer quando os robôs começarem a dominar o mundo.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.