Experiência em jogo proposta pelo MIT dará controle sobre outra pessoa no Halloween

E chega mais um dias das bruxas… aqui no Brasil não é muito comum que se comemore a data como no exterior, entretanto uma proposta criada pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT) vai dar uma experiência imersiva muito diferente nesta noite de Halloween

Todo ano o MIT inova em criações de Halloween, já fizeram IAs que modificava imagens ou escrevia histórias de terror, mas a experiência deste ano promete ser diferente de tudo aquilo que já fizeram. 

“No BeeMe, um agente abre mão de seu livre-arbítrio para salvar a humanidade – ou talvez para saber se a humanidade pode ser salva de alguma forma.”

“No BeeMe, um agente abre mão de seu livre-arbítrio para salvar a humanidade – ou talvez para saber se a humanidade pode ser salva de alguma forma.”

Trata-se de um jogo intitulado BeeMe, onde um ator será controlado por meio de ações dadas coletivamente pelos usuários, como podemos ver no teaser publicado no twitter do game.

 

Todos poderão sugerir ações que estiverem dentro do contexto da brincadeira e não violem a integridade do ator e as mais votadas serão executadas durante a imersão interativa, que deve durar em torno de 2 horas - contudo, o tempo do jogo vai depender das decisões dos jogadores.

Em BeeMee os jogadores devem vencer uma Inteligência Artificial maligna que escapou na internet; segundo o assessor do jogo, Niccolò Pescetelli, se os jogadores falharem as consequências serão desastrosas

Ainda não foram reveladas informações de como vai funcionar o controle por diversas pessoas, mas no Twitter do jogo podemos acompanhar as notícias até o momento em que o jogo estiver disponível, a partir da 00h desta madrugada - pelo horário de Brasília. 

Via: Super
  • Redator: Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro virou jornalista pelo amor aos games e o desejo de escrever seus próprios roteiros para jogos com nota máxima no Metacritic. Apesar de ter atuado como designer e desenvolvedor de jogos durante dois anos, a paixão pela redação o trouxe para "os bastidores", onde está adquirindo experiência e aprendizado nos mais diversos segmentos da tecnologia. E é dessa forma que pretende se tornar especialista na área e descobrir o que fazer quando os robôs começarem a dominar o mundo.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.