Vendas online crescem 40% em um ano

O último relatório Webshoppers, produzido pela consultoria e-bit e pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (e.net), aponta que as operações de e-commerce no país tiveram no primeiro semestre um crescimento de 40% em comparação ao mesmo período do ano passado, com faturamento de R$ 6,7 bilhões. Um dos fatores para o bom desempenho do setor foi a Copa do Mundo, que impulsionou a venda de televisores de tela plana e de artigos esportivos.

"A procura por tecnologias relacionadas à imagem foi enorme, e a Copa do Mundo sem dúvida ajudou a atingirmos bons resultados", afirma FlÁvio InÁcio, gerente de e-commerce da Eletrônica Santana, empresa que desde 2004 realiza vendas pela web. "Além de receptores e antenas para TV digital, aparelhos de GPS e equipamentos de segurança eletrônica e de telefonia também tiveram uma boa saída", completa o executivo.

O levantamento feito pela e-bit e pela câmara e.net também mostra que 20 milhões de brasileiros compraram pela internet pelo menos uma vez na primeira metade do ano, e com o índice de satisfação dos consumidores do comércio virtual chegando a 86%, a expectativa é de que esse contingente aumente para 23 milhões no segundo semestre. Até o final do ano, o setor espera um faturamento de R$ 14,3 bilhões, 35% a mais que o resultado obtido em 2009, quando o faturamento foi de R$ 10,6 bilhões.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.