Criador dos livros de The Witcher pede US$ 16 milhões para a CD Projekt RED

Andrzej Sapkowski, criador da série de livros The Witcher, vendeu os direitos da obra para o estúdio polonês CD Projekt Red sem requisitar o pagamento de royalties, pois não acreditava no trabalho da empresa e no mercado de games. Agora, o escritor parece estar arrependido: em um pedido enviado para a desenvolvedora, ele requisita um "pagamento extra" por causa do sucesso da franquia.

Na notificação publicada no site da CD Projekt Red, os representantes de Andrzej Sapkowski citam que os games da franquia tiveram um aumento nos ganhos graças a The Witcher 3 e suas expansões. Com isso, o escritor pediu ao estúdio uma bonificação por royalties de pelo menos 65 milhões de Zlotys poloneses, cerca de US$ 16 milhões.

Em seu site, a CD Projekt Red respondeu dizendo que está no seu direito, uma vez que fez todo o pagamento necessário em seu primeiro acordo com o autor. " A companhia adquiriu de forma leal e legitima os direitos autorais do trabalho do Sr. Andrzej necessários para seu uso no desenvolvimento de jogos".

A equipe legal do escritor usa como argumento que os direitos cedidos por Andrzej Sapkowski cederiam os direitos para apenas um jogo, o que abriria uma brecha para ele receber parte do dinheiro ganho com as sequências.

" A leitura cuidadosa dos contratos podem levar a concluir que, se a empresa efetivamente adquiriu os direitos, isso se referia apenas ao primeiro de uma série de jogos, portanto, a distribuição de todos os outros games, incluindo suas expansões é, simplesmente falando, ilegal"

" A leitura cuidadosa dos contratos podem levar a concluir que, se a empresa efetivamente adquiriu os direitos, isso se referia apenas ao primeiro de uma série de jogos, portanto, a distribuição de todos os outros games, incluindo suas expansões é, simplesmente falando, ilegal"

- Continua após a publicidade -

Em seu comunicado, o estúdio polonês disse que o conselho pretende manter uma boa relação com o criador dos livros de The Witcher e fará de tudo para buscar uma "solução amigável" para a disputa, mas respeitando o contrato existente entre as partes.

Confira nossa análise com The Witcher 3: Wild Hunt.

Via: WccFtech, Eurogamer Fonte: CD Projekt
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Com o GeForce Now e o xCloud surgindo como opções, qual seu plano a médio prazo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.