Intel e Micron estariam com dificuldades na produção de memórias para SSDs QLC NAND [Rumor]

A IMFlash Technologies (IMFT), junção empresarial formada por Intel e Micron para a produção de memórias, estaria enfrentando dificuldades na fabricação e desenvolvimento da tecnologia QLC NAND, que chegou ao mercado recentemente com o SSD Intel 660p.

De acordo com as fontes do site Tweaktown, as empresas estão enfrentando problemas no rendimento da produção das memórias de 64 camadas. Enquanto um molde baseado em TLC NAND pode ter 90% de sua estrutura aproveitada, uma matriz QLC NAND rende apenas 48%.

Além de não estar conseguindo aproveitar mais da metade dos wafers de QLC NAND, a IMFT também estaria enfrentando dificuldades no desenvolvimento da tecnologia. Com isso, segundo as fontes, este cenário não deve mudar durante a geração atual das novas memórias.

A principal preocupação em relação aos problemas no desenvolvimento da tecnologia QLC NAND é o preço dos SSDs.  O grande diferencial da tecnologia Quad-level Cell (QLC) é a possibilidade de armazenar 4 bits de memória em cada célula do SSD, o que, em tese, resulta num custo menor de produção.

O Intel 660p traz capacidade de 1TB custando € 198 (R$ 866), o que trouxe esperanças de que o preço das unidades de armazenamento começasse a cair nos próximos anos. Com a Intel e a Micron enfrentando dificuldades na produção da tecnologia, porém, pode ser que o valor dos SSDs demore mais tempo para diminuir.

- Continua após a publicidade -

A Intel e a Micron não comentaram sobre o assunto.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Tweaktown
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.