Vazam os requisitos mínimos para rodar Fortnite Mobile em dispositivos Android

Enquanto se aproxima o aguardado lançamento de Fortnite Mobile para dispositivos Android, o pessoal da XDA-Developers andou fuçando em linhas de código da API do jogo e descobriu quais serão os possíveis requisitos mínimos de hardware para rodar o game. Ou seja, basicamente dá para saber quais smartphones darão conta de rodar o Battle Royale do momento.

- OS: Android 5.0 Lollipop ou superior (64-bit)
- RAM: 3GB ou superior
- GPU: Adreno 530, Mali-G71, Mali-G72 MP12 ou superior

É visível que o jogo não ficou muito leve e não vai ser qualquer aparelho capaz de rodar. A GPU Adreno 530 aparece no Snapdragon 820, então smartphones com este SoC, equivalentes ou superiores devem dar conta do jogo, mas já é um hardware voltado para dispositivos topo de linha. Vale destacar que essa lista de especificações entra em conflito com uma lista que saiu em julho oficialmente falando em que dispositivos o jogo poderia rodar, o que pode significar que a Epic Games até pretendia fazer o jogo rodar em mais dispositivos, mas que não foi possível e eles optaram por ser mais exigentes com o hardware.

Aliás, falando em dispositivos high-end, o rumor do momento é que o lançamento de Fortnite Mobile no Android foi atrasado porque a Epic Games e a Samsung fizeram uma parceria para lançar o jogo junto com a chegada do Galaxy Note 9 no dia 9 de agosto., o próximo smartphone premium da fabricante sul-coreana. Segundo as informações não oficiais, o jogo não só fará sua estreia no Note 9, como também será exclusivo para o aparelho por pelo menos 30 dias. Há comentários que o game poderá continuar exclusivo apenas para aparelhos Galaxy pelos próximos três meses depois de seu lançamento ainda. Isso pode até ser uma das explicações para o jogo não fazer seu lançamento na Google Play.

Fonte: XDA-Developers
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.