Sandy Bridge terá GPU com clock de até 1.35Ghz!

De acordo com os mais recentes rumores em torno da futura geração de processadores da Intel, o Sandy Bridge terÁ GPU (integrada) trabalhando com freqüência que poderÁ atingir o pico de 1.35Ghz!

O segredo estarÁ na nova versão da tecnologia responsÁvel pelo overclock automÁtico, o Turbo Boost 2.0. Até onde se sabe, ela serÁ bem mais flexível e "inteligente" do que a primeira geração, permitindo, por exemplo, que se turbine de forma independente a CPU e/ou a GPU, a depender da necessidade de cada uma.

Desta forma, a nova linha Core i7 2000, terÁ GPU com clock de 850Mhz, podendo ir a impressionantes 1.35Ghz. Mesmo sem o Turbo Boost 2.0 em ação, a freqüência de operação nominal da GPU sofreu um ganho de 117Mhz em relação a atual geração Westmere de 32nm.

HÁ quem aposte em um expressivo desempenho 3D com o Sandy Bridge, algo em torno de 30-50% de média, com pico de 100% em certos casos. Caso a expectativa venha a se confirmar, provavelmente serÁ possível jogar alguns games casuais com resoluções intermediÁrias.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.