Aumenta número de aparelhos 3G no Brasil

No segundo trimestre deste ano, houve a adição líquida de dois milhões de acessos em banda larga móvel no Brasil, o que representa uma taxa de crescimento de 17%, valor superior aos 3% correspondentes à disseminação da banda larga fixa no mesmo período.

Os dados são do "Balanço Huawei da Banda Larga Móvel" referente ao segundo trimestre de 2010, realizado pela Huawei, empresa especializada em soluções para redes de telecomunicações, em parceria com a Teleco, consultoria especializada neste segmento.


As companhias identificaram nesses números um aumento constante dos acessos via modem e um aumento ainda maior dos aparelhos 3G, que passaram de 8,7 milhões no primeiro trimestre para 10,4 milhões nos meses seguintes. A participação dos serviços de dados na receita das operadoras brasileiras registrou crescimento de 37% no último ano e, entre maio e junho, o faturamento dos serviços de dados superou 16% da receita do total de serviços de telecomunicações.

Em junho de 2010, a cobertura de banda larga móvel estava disponível para 65,2% da população e presente em 13,3% dos municípios brasileiros. De acordo com a pesquisa, todas as capitais de estado e municípios com mais de 500 mil habitantes estão atendidos por quatro operadoras.

No mundo, o número de clientes 3G chegou a 680 milhões, um crescimento de 34,1% nos últimos doze meses, o que equivale a 13,7% do total da base de celulares. Um em cada cinco celulares atualmente vendidos é um smartphone, o que evidencia a tendência destes dispositivos se tornarem os principais meios de acesso à internet, superando o PC.

Impacto no bolso
Em relação aos planos de serviços, todas as operadoras passaram a cobrar por volume de dados, e não mais por velocidade, com pacotes de que variam de R$9,90 para 10 MB e R$199,90 para 10 GB. A exceção fica por conta da TIM, que introduziu a cobrança por tempo de uso, a exemplo do que faz na ItÁlia.

"A média no Brasil para pacotes de até 500 MB estÁ acima dos valores praticados em outros países da América Latina. Os preços no Brasil são influenciados pela carga tributÁria e pelo subdimensionamento das redes, em especial em relação à capacidade das redes de transmissão", afirma o diretor de tecnologias e soluções da Huawei, Marcelo Motta.

O preço dos telefones celulares 3G permanecem estÁveis e representam uma barreira para a difusão da banda larga. Enquanto isso, o preço médio do modem 3G sofreu uma queda de 15% no segundo trimestre de 2010, com o valor base de R$ 170,00, desconsiderando-se aqueles com 100% de subsídio.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.